fbpx
publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

Boletim da dengue: Pinda chega a 5.885 casos em 2024

O Boletim da Dengue, divulgado nesta quinta-feira (14), pela Secretaria de Saúde de Pindamonhangaba, contabilizou 5.885 casos da doença no ano de 2024. O número de mortes se mantém em quatro no ano.

Os dados se referem a resultados positivos registrados até o dia 9 de março deste ano. No mesmo período do ano passado foram 148 casos e em todo o ano de 2023, 2.507 confirmações da doença.

Atualmente, os bairros com maior número de casos são Ipê, centro de Moreira César, Araretama, Vila São Benedito, Mantiqueira, Pasin, Liberdade, Vale das Acácias e Vila Rica, que juntos somam 2.579 casos, representando 46,18% do total.

O boletim traz ainda dois casos de chikungunya – doença que também é transmitida pelo mosquito Aedes aegypti.

Para combater o mosquito transmissor da doença, a Secretaria de Saúde tem intensificado as ações em toda a cidade e alertado a população para eliminar água parada.

Nas últimas, por exemplo, o município realizou limpeza por ruas do Distrito de Moreira César e na região do Castolira. Agora, as equipes estão definindo com a Saúde as novas regiões que devem atuar.

Paralelo ao serviço de limpeza, gentes do Controle de Vetores estão fazendo uma verdadeira força tarefa em diversos bairros. “Estamos em uma época de muitas chuvas, registrando volume acima do normal.

O grande volume de águas, aliado às elevadas temperaturas, gera condições ideias para a proliferação do mosquito da dengue, especialmente em locais onde existem objetos ou itens que podem acumular água.

Desta forma, além do serviço da Prefeitura para limpeza, para posterior nebulização, precisamos da colaboração dos moradores, para que eliminem água parada dos seus quintais”, disse o diretor de Proteção aos Riscos e Agravos à Saúde, André Pereira.

Botão Voltar ao topo