fbpx
publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

Investigação leva à prisão suspeito de matar homem encontrado carbonizado no ABC

Acusado fugiu para o estado do Maranhão, mas foi detido pela polícia local

(Foto: Divulgação/SSP-SP)

A Polícia Civil do Estado de São Paulo realizou investigações que levaram à prisão do suspeito de ter matado um homem, de 40 anos, que foi encontrado carbonizado e teve o corpo jogado em um bueiro na rodovia dos Imigrantes, em São Bernardo do Campo, Grande São Paulo.

O crime ocorreu no dia 23 de fevereiro deste ano. O investigado havia fugido, mas foi detido no estado do Maranhão, nesta quarta-feira (6), pela polícia local.

A vítima estava desaparecida, mas um parente encontrou o carro do familiar abandonado enquanto realizava buscas por ele e informou imediatamente a polícia. Enquanto os agentes aguardavam o resultado dos exames periciais feitos no veículo, eles foram acionados para encontro de cadáver em um bueiro, também na mesma região da Estrada do Capivari. Logo ficou constatado que o corpo era da vítima desaparecida.

Conforme informações do parente, um dia antes de seu desaparecimento, a vítima havia marcado de encontrar um colega que estava lhe devendo uma boa quantia em dinheiro há mais de um ano.

O suspeito passou a ser investigado e a Justiça autorizou a quebra do sigilo telefônico. Em seguida, expediu mandados de busca e apreensão e de prisão temporária, mas logo ele fugiu para outro estado com o objetivo de evitar a prisão.

Na manhã de hoje (6), após parceria entre as Polícias Civis de São Paulo e do Maranhão, o autor do crime foi preso em um hotel na cidade de São Mateus do Maranhão (MA). Durante a abordagem, ele apresentou os documentos de identidade do irmão, mas logo foi constatado o seu verdadeiro nome.

O detido segue na carceragem do estado do nordeste brasileiro. Ele será autuado no Maranhão por falsa identidade e em São Paulo por homicídio.

Botão Voltar ao topo