fbpx
publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

Berço da Equinocultura brasileira, SP sediará leilão inédito de cavalos

Evento, realizado por um dos maiores criatórios da Raça Mangalarga do país, abre as comemorações de 90 anos da ABCCRM

)Foto: Divulgação/Haras Tarlim)

A cidade que não dorme, São Paulo, se prepara para sediar pela primeira vez o ‘Leilão Tarlim Mangalarga: Brasil no Ritmo da Marcha’.

A 9ª edição, do evento que celebrará o ‘Cavalo de Sela Brasileiro’ e a força da raça equina mais antiga do país, será realizada no dia 07/03, às 19h, no Hotel Rosewood.

Promovido pelo Haras Tarlim, o leilão abre as comemorações dos 90 anos da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos da Raça Mangalarga (ABCCRM).

Segundo o titular do haras, Fernando Tardioli, a Tarlim se dedica à criação de Mangalarga há 32 anos. O criatório se destaca por sua inovação, genômica e biotecnologia.

Além de protagonizar leilões de sucesso, o plantel é referência em qualidade, evidenciando a marcha, a beleza e a comodidade dos animais da raça, como a potra Íris da Tarlim, com incríveis 0.00% de endogamia genômica, o que representa um importante avanço genético na reprodução de cavalos.

Com sede em Jaguariúna (SP) e fazendas em Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul, a Tarlim reforça o seu compromisso com a criação de cavalos e o agronegócio, setor onde desenvolve um trabalho reconhecido na pecuária seletiva.

Além dos títulos alcançados com o Mangalarga, atualmente, Fernando Tardioli também coleciona conquistas e avanços, no manejo racional e no melhoramento genético das raças bovinas Nelore e Brangus.

Paixão e dedicação há mais de 30 Anos

Em fevereiro deste ano, Fernando Tardioli foi eleito presidente da ABCCRM. A eleição, coroa toda a sua trajetória na raça, marcada pela capacidade de encantar e de ser disruptivo, em tudo que cria e investe.

“Ano após ano, quebramos recordes e paradigmas. Nesta edição, mostraremos o verdadeiro ritmo da Marcha do Cavalo de Sela Brasileiro, maior protagonista do sucesso da Tarlim, em mais de três décadas de criação”, destaca Tardioli.

Mangalarga, patrimônio nacional há nove décadas

O Mangalarga, cujo fomento à criação e aos esportes equestres e o controle genealógico estão a cargo da ABCCRM, é um patrimônio do país.

Raça tipicamente brasileira, originada no Estado de São Paulo, berço do cavalo, foi chamada de ‘Mangalarga Paulista’, antes de conquistar todo o Brasil.

Em setembro de 2024, a associação fundada em 1934 completará 90 anos, celebrando uma trajetória marcante na história da equinocultura nacional.

Botão Voltar ao topo