fbpx
publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

Ilhabela recebe exposição da imigração italiana

Centro Cultural Waldemar Belizário recebe exposição e herança cultural

(Foto: Divulgação/PMI)

Em comemoração aos 150 anos da imigração italiana no Brasil, o Centro Cultural Waldemar Belizário recebe nesta quarta-feira, dia 21, às 18h30, a exposição “Imigração e Herança Italiana em Ilhabela”.

A mostra traz 16 painéis que contam a história dos imigrantes na cidade, o registro e a história de 24 famílias de origem italiana e os planos do Governo do Estado de São Paulo para a criação de uma colônia entre 1928 e 1930.

A presença dos imigrantes italianos e seus descendentes deixaram importantes marcas no município. Oito prefeitos, um vice-prefeito e 17 vereadores foram imigrantes e/ou descendentes e 13 padres vieram da Itália para trabalhar na Igreja Nossa Senhora D’Ajuda e Bonsucesso.

Famílias italianas, como Fazzini, Reale, Carusso, Storace, Molinari, Tavolaro e tantas outras fizeram história em Ilhabela.

Várias manifestações culturais também deixaram um importante legado, como as artes plásticas de Waldemar Belisário Pelizzari, as esculturas e pinturas de Alfredo Oliani e a arquitetura eclética de Giovanni Battista Maroni.

No arquipélago, famílias italianas fizeram uma troca cultural e contribuiram em vários aspectos com a comunidade local, ao mesmo tempo que assimilaram os elementos da terra e integraram-se à cultura caiçara e seu modo de vida.

Para acompanhar mais sobre a história deste legado, o Centro Cultural Waldemar Belizário vai disponibilizar no local um QRCode para download gratuito do livro “Imigração e Herança Italiana em Ilhabela”, escrito pelo historiador e arqueólogo Plácido Cali.

Serviço

Exposição “Imigração e Herança Italiana em Ilhabela”
Local: Centro Cultural Waldemar Belisário
Endereço: Rua da Padroeira, 140 – Vila (Centro Histórico), Ilhabela.
Data: 21/02/2024
Horário: 18h30

Botão Voltar ao topo