fbpx
publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

SP assina contrato com BID para investimento rodoviário do Estado

Terceira fase do programa abrange a reabilitação de 470 km de rodovias transversais, construção de ciclovias e mais quatro outros tipos de serviços ligados a fluxos viários destinado ao transporte de bens e pessoas

O Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Fazenda e Planejamento (Sefaz-SP), assinou mais um financiamento com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O contrato, no valor de US$ 480,1 milhões, assinado pelo secretário da Sefaz-SP, Samuel Kinoshita, na quarta-feira (27), é para a terceira fase do Programa de Investimento Rodoviário do Estado de São Paulo (PIRSP), a ser executado pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER-SP), e terá prazo total para pagamento de 24,5 anos.

O Estado de São Paulo, em sua estratégia de investimento em infraestrutura, tem dado especial atenção à área de logística e transportes, notadamente aos projetos que já se encontram em execução e necessitam de recursos adicionais para sua conclusão. Portanto, além do valor do BID, o Governo dará contrapartida de US$ 206 milhões para essa terceira fase do PIRSP.

Esta fase do programa prevê a reabilitação de, aproximadamente, 470 km de rodovias transversais selecionadas (aquelas que ligam localidades do Estado, sem passar pela Capital) para integração com as rodovias radiais (aquelas que constituem ligação com a Capital do Estado). O intuito é gerar alternativas para desconcentração e redistribuição dos fluxos viários destinado ao transporte de bens e pessoas, bem como frente a potenciais eventos como congestionamentos, bloqueios de rodovias, eventos climáticos, entre outros.

Entre os projetos, o programa contempla ainda: a construção de ciclovias; a instalação de conectividade wifi, a implementação de serviços para sistemas inteligentes de transporte (ITS) e os pontos de recarga para veículos elétricos (VE). Estão previstos também estudos para melhoria da segurança viária com vistas à redução dos excessos de velocidade.

O financiamento contou com a liderança do time de Captação de Recursos da Sefaz-SP e incondicional apoio das equipes do DER-SP e BID para conclusão das diversas etapas de aprovação que tiveram início em janeiro de 2023.

O contrato celebrado visa a continuidade e conclusão do Programa de Investimento Rodoviário do Estado de São Paulo, autorizado em 3 fases. O financiamento total do Banco é de US$ 1,4 bilhão, com US$ 618 milhões de contrapartida do Estado.

As duas primeiras fases foram encerradas com grande sucesso no alcance de suas metas, trazendo contribuição decisiva na infraestrutura de transportes do Estado com a reabilitação de mais de 2.200 km de rodovias estaduais, além de, aproximadamente, 3.500 km de estradas vicinais, que associada ao considerável intercâmbio de experiências ao longo de toda a execução credenciaram uma nova parceria com o BID para a 3ª fase do Programa

Botão Voltar ao topo