fbpx
publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

São José: Hospital Municipal e PIT avançam em parceria para 2024

Equipe do Hospital Municipal visita a startup Ionic Health, no Parque de Inovação Tecnológico. (Foto: Divulgação/PMSJC)

O Hospital Municipal e o PIT (Parque de Inovação Tecnológica) deram mais um passo para estreitar a parceria para identificação de projetos inovadores de interesse do hospital que possam ser colocados em prática usando ferramentas disponíveis ou a serem criadas pelas empresas do Parque.

A parceria com o PIT foi celebrada com a SPDM (Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina), que gerencia o Hospital Municipal, 5 Unidades Básicas de Saúde, o Samu e o Centro de Reabilitação Lucy Montoro. O HM e as unidades de saúde são mantidas pela Prefeitura de São José dos Campos.

Na quarta-feira (13), gestores do HM se reuniram com uma equipe do PIT para conhecer startups que têm projetos na área médica e hospitalar. Foram apresentados projetos das startups Harpia Health Solutions, Fab Soluções, Vissara, Soumedical, RenovatioMed e Ionic Health.

“Uma de nossas estratégias é ajudar e desenvolver o Cluster de Saúde e Biotecnologia. A gente já vem se preparando com várias iniciativas nessa direção, como foi a criação do Cluster Aeroespacial e de Defesa, o de Tecnologia da informação e Comunicação e o Cluster de Agronegócios”, disse o presidente do PIT, Jeferson Cheriegate.

Ele destacou que atualmente a maior quantidade de startups do PIT é da área da saúde. “Quando a gente começa a conhecer as necessidades da medicina e do Hospital Municipal, a gente entende o que precisamos buscar em tecnologia e conhecimentos que ainda estão nos centros de pesquisa e nas universidades.

A parceria com a SPDM junta a fome com a vontade de comer. Uma coisa reforça a outra. É uma parceria de altíssimo nível”, disse o presidente do Parque.

Para o diretor técnico do Hospital Municipal, Carlos Alberto Maganha, está sendo construída uma parceria estratégica.

“Estamos trazendo para o PIT alguns dos nossos desafios e acreditamos que possam ser solucionados com ferramentas e projetos inovadores. E o hospital também pode ser um campo de pesquisa para alimentar as startups com conhecimentos práticos que sejam úteis na criação de novos produtos para a área da saúde”, afirmou o diretor técnico do Hospital Municipal, Carlos Alberto Maganha.

Interação

A proposta do HM é ter um espaço físico no PIT em 2024 para facilitar a interação do hospital com centros de pesquisa e universidades.

A interação vai incrementar a busca por novos caminhos para a melhoria contínua do atendimento prestado à população pelo Hospital Municipal. Quem ganha com isso são os pacientes.

A parceria com o PIT, assinada no início de novembro, já resultou no projeto Jornada Digital do Paciente – Telemedicina, criado para ampliar o acesso da população a médicos especialistas.

O projeto prevê o desenvolvimento de uma plataforma de telemedicina para integrar médicos da rede básica de saúde com especialistas que atuam no Hospital Municipal. O objetivo é que a tecnologia elimine etapas burocráticas otimizando o contato entre os profissionais.

Botão Voltar ao topo