fbpx
publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

São José recebe selo de Cidade Educadora em Congresso

O município faz parte da Associação Internacional das Cidades Educadoras, com princípios e ações voltadas à Educação de qualidade; professionais foram homenageados no evento. (Foto: Claudio Vieira/PMSJC)

A Cidade Inteligente é também Educadora. Para receber o selo internacional de Cidade Educadora, reconhecer e homenagear professores e profissionais da Educação e também compartilhar boas práticas, a Rede de Ensino Municipal realiza o Congresso de Educação “Um Salto para o Futuro” no Cefe (Centro de Formação do Educador).

A abertura foi na noite de quarta-feira (18) com cerca de 500 pessoas entre autoridades, convidados, equipe técnica da Secretaria de Educação e Cidadania e demais parceiros.

O Congresso foi voltado aos profissionais da Educação municipal, parceiros, convidados e demais educadores interessados em participar da programação com palestras, oficinas e exposições com educadores e pensadores da educação, se reuniram para discutir e compartilhar visões sobre o presente e o futuro da educação.

Cidade Educadora

O município recebeu o selo da AICE (Associação Internacional das Cidades Educadoras), grupo sem fins lucrativos constituído como uma estrutura permanente de colaboração entre governos locais que se comprometem a reger-se pelos princípios inscritos na Carta das Cidades Educadoras.

A secretária de Educação de Curitiba (PR), Maria Sílvia Bacila, enviou uma mensagem em vídeo com as boas-vindas ao município joseense como novo membro da Associação.

O ingresso de São José no grupo está de acordo com a Lei nº 10.584, de 23 de setembro de 20022. Atualmente, cerca de 500 cidades de 35 países fazem parte da Associação.

Com o selo, São José dos Campos reforça sua identidade educadora, com políticas públicas e projetos inovadores que têm por foco a educação de qualidade.

Dentre os principais objetivos das Cidades Educadoras estão ações de Educação Integral e para a Cidadania, Desenvolvimento da Comunidade e integração com o Meio Ambiente, Garantia dos Direitos da Criança e dos Jovens, Preparação para o Mundo Atual, Promoção da Convivência e da Democracia, entre outras.

Alunos felizes

O momento solene teve um toque de afeto e fofura com a participação de dois estudantes Pedro da Silva Leitão, da Emei Mário Campaner, e Helena Faria Marques, da Emefi Waldemar Ramos, que realizaram a entrega das placas com o selo internacional para as autoridades presentes.

“Eu gosto muito da minha escola, e o que eu acho mais legal é desenhar, brincar e também gosto da merenda. Minhas professoras são legais, gosto de jogar futebol e quero ser policial. Hoje nós vemos aqui para entregar uma placa importante”, contou animado Pedro, 5 anos.

“Gosto da minha escola, tem lanche, cantina, aulas de Educação Física, a gente brinca, desenha, participa do coral, do circo e das aulas. É importante ir para a escola, pois a gente aprende muitas coisas, a minha matéria preferida é Inglês”, disse Helena, 7 anos.

Exposição

A noite seguiu com homenagens aos profissionais da Educação da rede municipal e a abertura da exposição “Cidade da Educação”. Durante os dois dias de evento, diversos parceiros da educação municipal expuseram os projetos que atendem escolas e estudantes.

Estiveram presentes as secretarias de Apoio Social ao Cidadão, Mobilidade Urbana, Esporte e Qualidade de Vida, Saúde, Urbanismo e Sustentabilidade, Proteção ao Cidadão, além do Procon, Fundhas e a Urbam (Urbanizadora Municipal).

Botão Voltar ao topo