fbpx
publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

Taubaté recebe oficina de escrita de projetos culturais

Estão abertas inscrições on-line e gratuita para a Oficina de Escrita de Projetos Culturais no Sistema ProAc ICMS (Imposto Estadual Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), que será ministrada pela Secretaria de Estado da Cultura e Economia Criativa do Estado em parceria com a Secretaria de Cultura do município nos dias 6, 7 e 8 de novembro, das 14h às 17h, no Centro Cultural Toninho Mendes, localizado na praça Coronel Vitoriano, 01, no Centro de Taubaté.

A oficina é coordenada pela especialista em gestão cultural, educomunicação e educação comunitária e em projetos sociais Vanderléia Barboza, e consiste em uma formação para a elaboração de projetos que coloquem os artistas, produtores, gestores culturais e interessados em contato com o mecanismo de inscrição de projetos e captação de recursos por meio do sistema ProAc ICMS.

Os 25 inscritos, maiores de 16 anos, participarão de três encontros presenciais com duração de 3h/dia, contabilizando 9h de formação.

Os interessados devem se inscrever até o dia 23 de outubro pelo link: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfoxGCCm3Nb7wuVXR46L3XpdAzV8nDn5KiN0nmZYGRYJaUMSQ/viewform

CONTEÚDO

AULA 1: Explanação sobre o que é Politica Pública Cultural e quais são implementadas no Brasil, Estado e Municípios. Aprendizado e importância do acompanhamento sobre as políticas públicas publicadas nos sites e redes dos poderes públicos (União, Estado e município).

AULA 2: O que é o ProAc ICMS – O diálogo entre as empresas e os artistas locais. Escrita de Projetos mediante roteiro do ProAc ICMS – Apontamento 1 – O Projeto e 2 – A Documentação.

AULA 3: A importância da organização dos anexos, documentação do projeto. Atividade de experimentação do sistema de inscrição. Acesso passo-a-passo na Plataforma de inscrição do ProAc ICMS (estudo de caso com um projeto local). Exploração das informações e acompanhamento no site da publicação.

SOBRE A PALESTRANTE

Vanderléia Barboza

Graduada em Letras e Pedagogia, especialista em Gestão Cultural, Educomunicação e Educação Comunitária e em Projetos Sociais – Gestão e Perspectivas, é articuladora de interlinguagens de arte no diálogo entre a literatura e demais artes. Teve projetos premiados no ProAC na área de saraus culturais, incentivo à leitura, economia criativa, territórios de arte, espaços culturais, projetos com trabalhos em arte e circulação pela Biblioteca Nacional e Residência Artística pela Funarte.

É parecerista técnica de projetos culturais há mais de dez anos na macrorregião de São Paulo e cidades da Serra da Mantiqueira nas LICs (Leis de Incentivo Cultural Municipal).

Também é gestora do Espaço de Leitura e Arte Eugênia Sereno e Pontos MIS em São Bento do Sapucaí – SP, Contadora de Histórias, atua por mais de 30 anos nas áreas de livro e leitura, arte e gestão cultural no Estado, prioritariamente no Vale do Paraíba.

Botão Voltar ao topo