publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

Brasileiro Sub-16 reunirá 830 atletas, de 140 clubes de todas as regiões do País

Categoria de entrada nas competições nacionais, o evento chama a atenção pelo grande número de participantes inscritos

(Foto: Divulgação/CBAt)

O Campeonato Brasileiro Interclubes Loterias Caixa de Atletismo Sub-16, que será disputado de 13 a 15 de outubro, em Recife (PE), reunirá 830 atletas inscritos, representando 140 clubes de 23 Estados e do Distrito Federal.

A competição será realizada na pista da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), na Av. Prof. Moraes Rego, 1.235, na Cidade Universitária. Terá entrada gratuita para o público e transmissão ao vivo pela TV Atletismo Brasil pelo YouTube da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt).

Mais uma vez, o torneio que reúne participantes de até 15 anos chama muito a atenção, devido o número alto de inscritos e, na prática, revela os futuros atletas na categoria de entrada do atletismo nacional.

O Sport Clube Recife, que compete em casa, inscreveu 40 atletas na competição. A Associação Petrolinense de Atletismo, também de Pernambuco, tem 23 atletas inscritos no Brasileiro Sub-16.

A Sessão Informativa Virtual, quando a participação dos atletas é confirmada, será realizada no dia 12 de outubro, a partir das 16 horas, via plataforma zoom. A CBAt enviará todas as informações a respeito diretamente às equipes participantes.

No ano passado, em Timbó (SC), a AD Centro Olímpico (SP) foi a campeã brasileira sub-16. A equipe venceu pela sétima vez o Campeonato, no Complexo Esportivo da cidade catarinense. Em 12 edições (em 2020 a competição não foi realizada em função da pandemia) o Centro Olímpico ficou com o título em 7 delas – 2011, 2012, 2014, 2016, 2017, 2018 e 2022.

O clube paulistano venceu na classificação geral, com 147 pontos, e também no feminino, com 95 pontos. No masculino, ficou em segundo lugar, com 51 pontos, atrás da Corville (SC), também com 51.

A vice-campeã no geral foi a Sogipa, com 82 pontos, também a segunda colocada no feminino (46). A Corville, de Santa Catarina, foi a terceira colocada na classificação geral (81) e a campeã no masculino (51). No geral, o quarto e quinto colocados foram a Orcampi (69) e o CASO (67), também o terceiro no masculino (46). A Geração Atletismo Cianorte foi a terceira (38) no feminino.

Os melhores atletas da competição foram Juliany Costa (Geração Atletismo Cianorte-PR) e Lucas Rosa (Corville-SC), que ganharam duas medalhas de ouro cada um, ela nos 1.000 m com obstáculos e nos 300 m com barreiras, e ele nos 100 m e nos 300 m com barreiras.

Botão Voltar ao topo