fbpx
publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

Desfile do 7 de setembro deve reunir cerca de 30 mil pessoas em Brasília

Cerimônia terá a apresentação da Esquadrilha da Fumaça

Vista da Esplanada dos Ministérios preparada para receber o desfile de 7 de setembro. (
Foto: Joédson Alves/Agência Brasil)

O tradicional desfile cívico-militar de 7 de setembro, em Brasília, principal evento comemorativo da Semana da Pátria, deve reunir cerca de 30 mil pessoas na Esplanada dos Ministérios, segundo expectativa do governo federal.

O desfile terá início às 9h, com previsão de durar cerca de 2 horas. São esperados cerca de 200 autoridades e convidados na tribuna de honra com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, entre ministros, chefes de poderes e representantes das Forças Armadas.

Este ano, o slogan da semana é Democracia, soberania e união. As comemorações pela Semana da Pátria tiveram início na sexta-feira (1º) com a abertura da Exposição da Independência, com exposição de equipamentos militares como embarcações, carros de combate, armamentos e aeronaves.

Desfile
Na cerimônia do desfile cívico-militar, entre outras atrações, terá a execução do Hino Nacional, passagem das tropas das Forças Armadas – Marinha, Exército e Força Aérea -, com veículos e aeronaves, apresentação de escolas públicas do Distrito Federal, do Corpo de Bombeiros, além de bandas.

A cerimônia será aberta pela Fanfarra do 1º Regimento da Cavalaria de Guardas, os Dragões da Independência, e o coral dos alunos do Colégio Militar de Brasília, que executarão o Hino Nacional e o Hino da Independência.

Em seguida, o comandante militar do Planalto, general de divisão Ricardo Piai Carmona, apresentará a tropa ao presidente da República e solicitará autorização para dar início ao desfile.

publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒  

Caberá ao medalhista de ouro no boxe nas Olimpíadas de Tóquio 2020, o terceiro sargento Hebert Conceição, dar início ao desfile. Ele conduzirá o fogo simbólico da pátria, acompanhado por esportistas e alunos dos colégios militares de Brasília.

Em seguida, com o tema Com Educação se constrói um país, a Secretaria de Educação do Distrito Federal apresentará, no desfile escolar, mais de 550 alunos de escolas públicas e projetos sociais do DF.

O ponto alto do desfile será a apresentação aérea da Esquadrilha da Fumaça, que encerra a solenidade com uma demonstração acrobática.

Após o desfile, o público presente na Esplanada dos Ministérios poderá conferir uma atração inédita, a Exposição Multimídia, com mostra de equipamentos militares e telões interativos para apresentar à população as atividades e os programas estratégicos desenvolvidos pelas Forças Armadas. A exposição vai até o dia 10 de setembro, sempre das 9h às 17h.

Segurança
Para garantir a segurança das pessoas que vão assistir o desfile, alguns itens serão proibidos, como fogos de artifício e similares; armas em geral; apontador a laser ou similares; artefatos explosivo; spray e aerossóis; mastros confeccionados com qualquer tipo de material para sustentar bandeiras e cartazes.

Não serão permitidos também garrafas de vidro e latas; armas de brinquedo, réplicas, simulacros e quaisquer itens que tenham aparência de arma de fogo; drogas ilícitas, conforme a legislação brasileira; substâncias inflamáveis de qualquer tamanho ou tipo; armas brancas ou qualquer objeto que possa causar ferimentos, mesmo que representem utensílios de trabalho ou cultural, a exemplo de tesouras, martelos, flechas, tacos, tacape e brocas.

Também está proibido o uso de drones no espaço aéreo da Esplanada dos Ministérios.

Intervenções no trânsito e revistas serão realizadas, com ações de policiamento e reforço nos atendimentos de emergência e de delegacias específicas para registro de ocorrências.

Clima
O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, disse na segunda-feira (4) que a expectativa é que o desfile do 7 de setembro ocorra em clima de tranquilidade e concórdia. Ele destacou que o esquema de segurança estará reforçado.

Na terça-feira (5), o Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) autorizou o emprego da Força Nacional de Segurança Pública (FNSP), em Brasília, em apoio ao governo do Distrito Federal, durante o desfile.

A Força Nacional atuará em conjunto com a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP/DF) para auxiliar na proteção da ordem pública e do patrimônio público e privado, da União e do Distrito Federal.

A quantidade de agentes da Força Nacional ainda será definida, conforme planejamento do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Apoio
Haverá pontos de atendimento médico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e do Corpo de Bombeiros, além de equipes espalhadas pela área do desfile. Serão 17 pontos de hidratação ao longo da Esplanada dos Ministérios.

Ambulantes credenciados ficarão posicionados na via de ligação do Museu da República. Não haverá venda de produtos dentro da área de segurança do desfile.

Botão Voltar ao topo