fbpx

Parque da Cidade recebe shows de 318 anos de Pinda a partir desta quinta-feira

Apresentações começam quinta-feira, com Banda Maskavo, e vão até domingo. Ingressos podem ser trocados em quatro pontos da cidade

Espaço sendo preparado para o evento. (Foto: Divulgação)

A Prefeitura de Pindamonhangaba está finalizando os preparativos para a Festa dos 318 anos, que será realizada no Parque da Cidade. O local receberá shows gratuitos entre quinta-feira (dia 6) e domingo (dia 9), a partir das 19 horas.

Na quarta-feira (5), os trabalhos concentraram na finalização da instalação da estrutura de palco, som, alambrados, tendas e banheiros, além de identidade visual do Parque da Cidade. O secretário adjunto de Cultura e Turismo, Ricardo Flores, explicou que “toda a estrutura está praticamente pronta e restam pequenos detalhes a serem finalizados na quinta-feira pela manhã”.

Apesar dos show serem gratuitos, quem puder poderá doar um quilo de alimento e trocar por ingressos.

A trocas ocorrem até sexta-feira no Fundo Social de Solidariedade (rua Deputado Claro César, 53, centro) e na Subprefeitura de Moreira César (Av. Dr. José Augusto Mesquita, 170), das 8 às 17 horas, além do Centro de Informações Turísticas no Shopping Pátio Pinda, todos os dias da semana, das 13 às 22 horas. Também haverá troca no local do evento, a partir das 17 horas, caso as cargas de ingressos ainda não tenham sido esgotadas.

Sobre as atrações, Ricardo Flores destacou que foram pensadas para agradar a todos os públicos. “Estamos organizando uma grande festa para comemoração do aniversário de Pindamonhangaba e optamos por um mix de artistas de Pinda e nomes famosos no cenário nacional. Eles foram selecionados para que tivéssemos atrações para agradar pessoas com preferências variadas”.

A programação de shows deste ano será: quinta-feira (dia 6), às 19 horas, banda A Tropa; às 20h, Banda Maskavo. No dia 7 (sexta-feira), às 19 horas, Bruno e Hiago e Banda; às 21 horas, Rick e Renner. Dia 8 (sábado), às 19 horas terá Sambatuque e às 21 horas, o cantor Salgadinho. Dia 9 (domingo), às 19 horas, Banda Nota Samba e às 21 horas, a banda Atitude 67, com sucessos como “Cerveja de Garrafa”.

Preparativos finais para o evento. (Foto: Divulgação)

Gastronomia e lazer
Além da já tradicional praça de alimentação em prol das instituições assistenciais, haverá área de ambulantes, espaço kids, feira de artesanato Arte Encanto (Fundo Social de Solidariedade), Defesa Civil, Polícia Militar, GCM, estande do Novo Turismo com convidados, dentre outros.

A praça de alimentação terá comidas e bebidas variadas, oferecendo diversas opções ao público. Não será permitido entrar com coolers, bolsas térmicas e bebidas no evento.

Estacionamento Solidário
Assim como nos últimos anos, a festa de 318 anos de Pindamonhangaba contará com Estacionamento Solidário e os valores arrecadados, abatendo os custos, serão revertidos para as instituições assistências envolvidas no evento. O estacionamento terá seguro e terá o valor de R$ 20 para carro, R$ 10 para moto, além de guarda volumes para pequenos objetos (capacetes e bolsas, por exemplo) a R$ 5.

Segurança
Outro importante é a segurança para o evento. “Além da questão do entretenimento para população e social para as instituições, o prefeito Dr. Isael sempre prioriza a segurança do público. Este ano teremos equipes da Guarda Civil Metropolita, apoio da Polícia Militar e ainda controlares de acessos contratados. Assim teremos uma festa ainda mais segura para toda a população, que poderá aproveitar os shows com amigos e familiares com tranquilidade, bem como desfrutar da praça de alimentação”, explicou Ricardo Flores.

Uma das novidades para esse ano, segundo o secretário adjunto, será a utilização de seis cabines com detectores de metais. “As pessoas que forem entrar na festa terão que passar pelas cabines, que fazem a leitura corporal e apontam a existência de metal. Havendo indicador, é encaminhada para uma revista física. Deste modo deixamos o evento ainda mais seguro para o público e menos invasivo, de uma forma mais harmoniosa o processo de revista. Um detalhe interessante nessas cabines é que, além da questão da segurança, elas também fazem a contagem de pessoas – facilitando a quantificação de público e deixando o evento mais organizado”, finalizou Flores.

Botão Voltar ao topo