Governo de SP entrega certificados de incentivo esportivo para instituições

Certificados de Incentivo ao Desporto (CIDs) foram entregues para captação via Lei Paulista de Incentivo ao Esporte

Certificados de Incentivo ao Desporto (CIDs) foram entregues para captação via Lei Paulista de Incentivo ao Esporte. (Foto: Divulgação/GESP)

A Secretaria de Esportes do Estado de São Paulo certificou, na tarde desta quarta-feira (24), em São Paulo, 526 projetos voltados para as áreas social, educacional, participativa, rendimento, formação esportiva, infraestrutura, além de gestão e desenvolvimento, por meio Lei Paulista de Incentivo ao Esporte (LPIE).

No total, 312 entidades, de todas as regiões do estado, terão direito a renúncia fiscal pela LPIE. A estimativa é de que os projetos desenvolvidos atinjam aproximadamente 130 mil pessoas, em mais de 300 cidades paulistas.

Cálculos feitos pelo Governo de São Paulo apontam que R$ 60 milhões deixarão de ser recolhidos em decorrência do incentivo. Desde que foi criada, em 2010, a Lei de Incentivo ao Esporte soma R$ 849 milhões em renúncia fiscal. No período, mais de 7968 projetos foram apresentados e analisados pela Comissão de Análise e Aprovação de Projetos (CAAP) e 6284 foram aprovados.

Participaram do evento a secretária de Esportes do Estado, coronel Helena Reis, o atleta de judô e medalhista olímpico, Rafael Silva (Baby), o atleta de handebol Eduardo Carioca e outras autoridades do esporte paulista.

“Quero parabenizar toda equipe técnica da Secretaria de Esportes que possibilitou a entrega desses certificados. Agora, é hora de captar! É importante que a iniciativa privada apoie e abrace os projetos aprovados na Lei Paulista de Incentivo ao Esporte. Esse programa é muito capilarizado e merece essa confiança”, disse a secretária de Esportes do Estado, Coronel Helena Reis.

Durante a solenidade, o secretário executivo de Esportes do Estado, Beto Souza, explicou aos presentes o devido funcionamento da Lei Paulista de Incentivo ao Esporte. “Os projetos são apresentados e então encaminhados à Comissão de Análise e Aprovação de Projetos, formada por especialistas em esportes do estado e da sociedade civil. Os aprovados recebem a CID e põem captar os recursos junto às empresas sediadas no estado de São Paulo”, concluiu.

Botão Voltar ao topo