fbpx
publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

Gabriel Robe e Mathias de Valle vencem em domingo de Stock Series em Tarumã

Com duas poles e duas vitórias, gaúcho empatou na liderança do campeonato com Zezinho Muggiati. E o "rookie" se destaca já na sua segunda etapa na categoria

A Stock Series realizou mais três provas neste fim de semana em Tarumã
(Foto: Duda Bairros/Stock Car)

A Stock Series completou a segunda etapa da temporada 2023 com duas belas corridas no Autódromo Internacional de Tarumã no domingo (21).

No desfecho de uma semana memorável na sua vida, Gabriel Robe (Garra Racing Team) venceu a Corrida 2 depois de ter largado na pole e, após uma reviravolta no final, terminou na segunda colocação da terceira prova depois de ter iniciado a disputa do oitavo lugar.

Outro grande nome do dia foi Mathias de Valle (W2 Racing ProGP). O paulista radicado em Goiânia venceu entre os ‘rookies’ nas duas corridas do domingo e, para completar a jornada em Viamão (RS), Mathias foi primeiro colocado também na classificação geral, consolidando o bom desempenho no tradicional circuito gaúcho.

Nesta semana, Gabriel Robe promoveu a comemoração pelo seu aniversário de 26 anos — completados em 13 de maio — e também se formou em Odontologia. Para completar a festa do piloto e agora também dentista, Robe garantiu três pódios na etapa, além de duas poles e a liderança do campeonato, compartilhada com Zezinho Muggiati (W2 Racing ProGP), ambos com 136 pontos.

Nascido em Pelotas, Robe teve uma Corrida 2 perfeita e novamente venceu de ponta a ponta. Mas o trabalho do piloto da equipe Garra não foi fácil, sobretudo para lidar com a pressão imposta por Zezinho Muggiati, na primeira metade da prova, e depois por Pietro Rimbano (RKL Competições), que terminou em segundo.

O pódio geral foi completado por Muggiati, enquanto Mathias de Valle foi o quarto e vencedor entre os ‘rookies’. Vinícius Papareli (RTR Sport Team), por sua vez, foi o quinto.

A terceira e última prova da etapa foi bastante movimentada do início ao fim. Na largada, Zezinho Muggiati se envolveu em incidente com Mathias de Valle e Hugo Cibien (W2 Racing ProGP) e foi punido duas vezes: por queima de largada e pela ocorrência, o que o deixou fora da luta pelo pódio.

Arthur Gama puxou a fila e liderou as primeiras voltas, seguido por outros dois estreantes: Felipe Barrichello Bartz (W2 Racing ProGP) e De Valle. Com grande performance em Tarumã, Mathias fez ultrapassagem ousada sobre o sobrinho de Rubens Barrichello na volta 4 e, no giro seguinte, assumiu a liderança e não foi mais superado.

Gama perdeu terreno e foi ultrapassado também por Pietro Rimbano e Gabriel Robe. O pódio parecia definido quando, nas voltas finais, tudo mudou de novo: Barrichello Bartz enfrentou problemas e ficou para trás. Na última volta, Rimbano sofreu um revés e perdeu a chance de marcar seu sexto top-3 seguido no campeonato.

De Valle venceu e, após ultrapassagem pouco antes da reta de chegada, Robe terminou em segundo, enquanto Felipe Papazissis (RKL Competições) foi o terceiro. Arthur Gama ainda salvou um quarto lugar, e Vinícius Papareli foi novamente quinto.

Um domingo especial — Robe destacou o complemento de uma etapa que o colocou de forma sólida na luta pelo título da Stock Series. “Foi um fim de semana fantástico para mim. Desde os treinos mostramos velocidade, fizemos duas poles, ganhei as Corridas 1 e 2.

Saindo em oitavo na terceira prova, sabia que seria complicado porque Tarumã tem poucos pontos de ultrapassagem. Mas usei bem a estratégia e cheguei na segunda posição, uma prova muito disputada e com ultrapassagem na última curva, em uma corrida maluca na volta final”.

“Somei bons pontos para sair daqui na liderança do campeonato. Fico feliz com isso, recuperamos de um problema que tivemos em Interlagos e espero que, em Cascavel, consiga repetir as vitórias e saia 100% na liderança”, declarou o gaúcho.

Mathias de Valle vibrou com a chance de vencer pela primeira vez na divisão de acesso à Stock Car depois de mostrar muita força desde os treinos em Tarumã. “A sensação é incrível. Sabia que estávamos competitivos desde o início da semana. O trabalho da equipe foi sensacional, então sabia que tinha chances de disputar, só dependeria de mim. Consegui me adaptar bem à pista e deu certo, venci uma na geral e duas entre os ‘rookies’.

Vencer em Tarumã é muito bom. É uma pista desafiadora, complicada e rápida. Então tudo isso torna essa conquista ainda mais especial”, afirmou o paulista de 20 anos.

O campeonato ficou muito equilibrado depois da etapa deste fim de semana, com somente um ponto separando o top-3. Zezinho Muggiati está empatado com Gabriel Robe na liderança. Os dois somam 136 tentos cada, mas o paranaense leva vantagem nos critérios de desempate por ter mais vitórias que o gaúcho.

Rimbano é o terceiro e tem 135 pontos. Arthur Gama aparece como o melhor ‘rookie’ em quarto colocado no geral, com 115, e Mathias de Valle completa a relação dos cinco primeiros, com 89.

A terceira etapa do campeonato está marcada para os dias 17 e 18 de junho no Autódromo Zilmar Beux, em Cascavel, no Oeste do Paraná.

Stock Series, etapa 2, Tarumã, Corrida 2:
1º – Gabriel Robe (Garra Racing Team), 16 voltas em 21min26s245
2º – Pietro Rimbano (RKL Competições), a 0s988
3º – Zezinho Muggiati (W2 Racing ProGP), a 2s978
4º – Mathias de Valle (W2 Racing ProGP), a 2s986
5º – Vinícius Papareli (RTR Sport Team), a 3s858
6º – Felipe Barrichello Bartz (W2 Racing ProGP), a 4s973
7º – Hugo Cibien (W2 Racing ProGP), a 5s748
8º – Arthur Gama (Garra Racing Team), a 32s722
9º – Kaká Magno (RTR Sport Team), a 34s597

Não completaram
Bruna Tomaselli (Garra Racing Team), a 11 voltas
Enzo Bedani (W2 Racing ProGP), a 12 voltas
Felipe Papazissis (RKL Competições), a 12 voltas

Corrida 3
1º – Mathias de Valle (W2 Racing ProGP), 23 voltas em 26min31s825
2º – Gabriel Robe (Garra Racing Team), a 7s276
3º – Felipe Papazissis (RKL Competições), a 7s824
4º – Arthur Gama (Garra Racing Team), a 19s646
5º – Vinícius Papareli (RTR Sport Team), a 23s829
6º – Pietro Rimbano (RKL Competições), a 24s754
7º – Bruna Tomaselli (Garra Racing Team), a 26s471
8º – Felipe Barrichello Bartz (W2 Racing ProGP), a 27s334
9º – Kaká Magno (RTR Sport Team), a 51s402
10º – Zezinho Muggiati (W2 Racing ProGP), a 1 volta
11º – Hugo Cibien (W2 Racing ProGP), a 1 volta

Classificação do campeonato
1º – Zezinho Muggiati, 136 pontos
2º – Gabriel Robe, 136
3º – Pietro Rimbano, 135
4º – Arthur Gama, 115
5º – Mathias de Valle, 89
6º – Vinícius Papareli, 83
7º – Felipe Barrichello Bartz, 73
8º – Hugo Cibien, 72
9º – Kaká Magno, 72
10º – Bruna Tomaselli, 57
11º – Felipe Papazissis, 43
12º – Enzo Bedani, 43

Stock Series, calendário da temporada 2023:
3ª etapa – Cascavel – 18 de junho
4ª etapa – Velopark – 17 de setembro
5ª etapa – Velocitta – 29 de outubro
6ª etapa – Interlagos – 17 de dezembro

Botão Voltar ao topo