fbpx
publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

Lar Nossa Senhora Aparecida completa 100 anos de atendimento a mulheres

Obra Social é a mais antiga mantida pelo Santuário Nacional

Obra Social é a mais antiga mantida pelo Santuário Nacional. (Foto: Thiago Leon/Santuário Nacional)

Uma casa administrada a 100 anos por mulheres e que se destina ao atendimento exclusivo de idosas, assim é o Lar Nossa Senhora Aparecida. Dentre os mais de 12 projetos de educação e assistência social, esta é a mais antiga Obra Social mantida pelo Santuário Nacional de Aparecida.

O Lar Nossa Senhora Aparecida foi fundado em 1923. Teve como primeiro local de acolhida parte do edifício do Seminário Bom Jesus. Hoje, está situado próximo à Basílica, na Avenida Getúlio Vargas. No local vivem cerca de 45 idosas, todas com mais de sessenta anos, acolhidas em situação de vulnerabilidade social.

A Obra Social tem como objetivo oferecer qualidade de vida, com cuidado integral, às atendidas. O trabalho é baseado no modelo proposto por Santa Paulina, a fundadora da Congregação das Irmãzinhas da Imaculada Conceição, religiosas que administram o espaço.

As idosas dispõem de atendimento médico e religioso, de forma humanizada. Para isto, o Lar conta com uma equipe multidisciplinar, composta por fisioterapeuta, educadora física, médica, cuidadoras, técnicas de enfermagem e nutricionista.

Além da preocupação com a saúde e os cuidados do dia a dia – como higiene, repouso e alimentação – as moradoras recebem, ainda, acompanhamento psicoespiritual, com momentos de oração, acolhida, partilha, celebração eucarística e atendimento com psicóloga.

Para celebrar a data jubilar, uma missa será realizada nesta quinta-feira (11), às 9h, no Altar Central da Basílica, em ação de graças pelo centenário. A celebração pode ser acompanhada ao vivo pela TV Aparecida ou pelo Aparecida ao Vivo (a12.com/aparecidaaovivo).

Botão Voltar ao topo