fbpx

Conferência de Saúde debate defesa do SUS e direito à vida

Cerimônia de abertura do evento. (Foto: Divulgação)
Durante a 11ª Conferência Municipal de Saúde, realizada na Casas Pia Cônego Tobias na sexta-feira (3) e no sábado (4), Pindamonhangaba debateu a a garantia dos direitos e defesa do SUS, da vida e da democracia.

O evento foi organizado pelo COMUS (Conselho Municipal de Saúde de Pindamonhangaba) e contou com apoio da Secretaria de Saúde do município.
O presidente do COMUS, Thiago Silva, avaliou como “fantástica a Conferência, pois trouxe uma temática atual e que necessita de um olhar amplo por parte do Conselho, do Poder Público e de toda sociedade”.

Ele destacou que, “antes da conferência, foram realizadas cinco plenárias em vários pontos da cidade, onde a população pode opinar e deixar sua contribuição para melhorias na área da saúde pública”.

A secretária de Saúde, Ana Claúdia Macedo, reiterou “apoio total às discussões e apontamentos realizados pelo COMUS para que a área continue em constante desenvolvimento e possa aprimorar ainda mais os serviços oferecidos à população”.

Durante a abertura do evento, na sexta-feira, o vice-prefeito e secretário de Governo e Serviços Públicos, Ricardo Piorino, representando o prefeito, Dr. Isael Domingues, explicou que a “Conferência de Saúde é um instrumento democrático de extrema importância para a sociedade debater a saúde pública visando melhorias em toda a rede de produtos e serviços disponíveis no município”.

Piorino também elogiou os profissionais de saúde, tanto do setor público quanto privado, “pela dedicação às profissões e pelo empenho que tiveram durante a pandemia e por toda a luta diária que mantêm com a prevenção, tratamento e cura de doenças, bem como no setor de urgência e emergência”.

Este ano, o evento homenageou a enfermeira Luciana dos Santos Cruz Oliveira (Lu Preta), pelos grandes trabalhos realizados na área da saúde. Ela ficou emocionada com as palavras dirigidas a ela por diversas pessoas com quem já trabalhou. “É uma noite muito especial, que relembra minha trajetória de vida, como tudo começou. É um sentimento de extrema gratidão pela homenagem. Trabalhar com saúde é muito gratificante. Claro que existem momentos de tristezas, porque também lidamos com doenças. Mas, você se sentir útil e ajudar uma pessoa não tem preço. Eu vivo para isso”.

O evento contou com presença de muitos profissionais de saúde, de lideranças comunitárias, e do vereador José Carlos Gomes (Cal).

Botão Voltar ao topo