fbpx
publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

Concessionária reforça ações de orientação sobre o free Flow na Rio-Santos

Com previsão de início da cobrança para março, a concessionária aguarda publicação da ANTT no Dário Oficial da União (DOU). (Foto: Divulgação)

A CCR RioSP está com ações de orientação sobre o free flow na Rio-Santos, a BR-101, principalmente nos trechos onde os pórticos estão implantados – Paraty (km 538), Mangaratiba (km 447) e Itaguaí (km 414), todos no Rio de Janeiro. O objetivo do trabalho é esclarecer as principais dúvidas dos motoristas sobre o novo sistema de pagamento eletrônico de pedágio sem paradas do Brasil.

Desde o fim de janeiro, sem nenhuma cobrança, acontecem análises e fluxos de passagens com TAGs e placas dos veículos. E após eventuais ajustes nos equipamentos, a concessionária prevê o início da cobrança a partir de março, ainda sem uma data definida pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Campanhas
As atividades acontecem na rodovia Rio-Santos em dois momentos, com a implantação de faixas educativas nas proximidades dos pórticos e entradas e saídas das cidades lindeiras informando o motorista sobre o período de testes do novo sistema de pagamento eletrônico de pedágio, as formas de pagamento disponíveis e os canais de atendimento 24h da concessionária. São eles:

Whatsapp (11) 2795-2238;
App da CCR RioSP
Site www.ccrriosp.com.br/freeflow

Outras ações ocorrem nos munícipios lindeiros, principalmente onde os pórticos estão implantados. São realizadas ativações em parceria com postos de serviços, estabelecimentos comerciais, restaurantes e shoppings centers. Promotores uniformizados respondem as principais dúvidas e entregam um folheto com informações sobre o free flow e os serviços já realizados pela concessionária na BR-101, entre eles, a recuperação de 230 km de pavimento, que oferece mais conforto e segurança para o motorista que está em deslocamento pela rodovia.

Entre os dias 18 e 21 foram orientados 15 mil motoristas nas cidades de Itaguaí, Mangaratiba, Angra dos Reis e Paraty. As principais dúvidas se relacionaram ao valor da tarifa, a localização dos pórticos e as formas de pagamento para o motorista que não tem TAG instalada. Vale lembrar que no site www.ccrriosp.com.br/freeflow podem ser encontradas todas as informações sobre o free flow. Paralelo a essas ações, a concessionária também disponibiliza o SIC (Serviço de Informação ao Cliente). Um veículo adaptado que percorre os municípios lindeiros, para esclarecer as dúvidas da população. Essa ação acontece em parceria com as prefeituras das cidades, que indicam os locais onde o SIC ficará estacionado.

Botão Voltar ao topo