fbpx

Chuva forte causou transtornos no Rio; Bombeiros foram acionados

Cidade entrou em estágio de atenção nesta segunda-feira à noite

(Foto: Divulgação/Prefeitura do Rio de Janeiro)

Os bombeiros do Rio de Janeiro atenderam, nas últimas 24 horas, em todo o estado, cerca de 130 ocorrências relacionadas às chuvas.

Entre elas, foram registrados 29 salvamentos de pessoas presas ou ilhadas, três desabamentos e deslizamentos, seis acionamentos de alertas de inundação e alagamento e 89 cortes de árvores.

De acordo com a Secretaria estadual de Defesa Civil (Sedec) e o Corpo de Bombeiros Militar do Estado, por volta das 8h de hoje (22) havia alto risco geológico na Baixada Fluminense e na região sul. “Há alerta para deslizamento de terra em Duque de Caxias e Porto Real.

O Rio de Janeiro, Volta Redonda, Barra Mansa, Barra do Piraí, Resende, Quatis, Porto Real, Queimados e Japeri são pontos de atenção para risco de alagamentos e inundações”, informou.

A Sedec e os bombeiros monitoram as chuvas no território fluminense para prevenir e minimizar qualquer possível dano.

Ao mesmo tempo, agentes da Defesa Civil estadual permanecem em contato frequente com as prefeituras, para prestar suporte em caso de ocorrências extrapolarem a capacidade de resposta da gestão municipal.

Monitoramento
As condições meteorológicas e os níveis de chuva são avaliados permanentemente pelo Centro Estadual de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais (Cemaden-RJ), que envia avisos para os municípios.

Previsão
A previsão para esta quarta-feira (22) é de céu com poucas nuvens a nublado, com pancadas isoladas de chuva moderada a forte, a partir da tarde. Os ventos estarão fracos a moderados.

Capital
O município do Rio retornou ao estágio de normalidade às 5h45 de hoje, devido à ausência de chuva nas três horas seguintes. Por causa da chuva forte de ontem (21) à noite, o Rio entrou em estágio de mobilização às 19h45. Com o agravamento da intensidade das precipitações, avançou às 20h50 para o estágio de atenção, voltando ao estágio de mobilização às 23h30.

A chuva de ontem causou transtornos em vários bairros da cidade. Nas zonas norte e oeste, várias ruas ficaram inundadas. Os voos no Aeroporto Santos Dumont foram suspensos e os passageiros se acumulavam nas instalações do terminal, à espera da volta dos serviços.

“O estágio de normalidade, primeiro em uma escala de cinco, significa que não há ocorrências de grande impacto. Nesse estágio, podem ocorrer pequenos incidentes, mas que não interferem de forma significativa na rotina do cidadão”, informou o Centro de Operações da Prefeitura do Rio.

Botão Voltar ao topo