Pinda participa de reunião extraordinária da RM Vale e Litoral Norte

O governador em exercício, Felício Ramuth, durante 1ª Reunião extraordinária do Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte e entrega de matrículas de regularização fundiária do Programa “Cidade Legal”, para os municípios de Areias, Cachoeira Paulista e Natividade da Serra, na cidade de São José dos Campos. (Foto: Gilberto Marques/Governo do Estado de SP)

Pindamonhangaba participou, na terça-feira (17), da primeira reunião extraordinária do Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte – RM Vale – LN, realizada no Centro de Formação do Educador, de São José dos Campos. A cidade foi representada pelo secretário adjunto de Administração, Vitor Macedo, que na ocasião representou o prefeito de Pindamonhangaba, Dr. Isael Domingues.
A reunião contou com a presença do Governador do Estado de São Paulo em exercício, Felício Ramuth, além dos secretários Cel PM Henguel Pereira (Casa Militar) e Marcelo Branco (Desenvolvimento Urbano e Habitação). A reunião foi presidida pelo presidente do Conselho, prefeito Lê Braga, de São José do Barreiro.

Segundo o secretário adjunto de Administração de Pinda, durante a reunião o Governador em Exercício anunciou o reforço do policiamento na RM Vale e a reforma do km 57 da Tamoios, em um investimento de R$900 milhões, abrangendo obra e equipamentos.

“Para Pindamonhangaba é importante participar de reuniões como essa, para essa troca com os prefeitos das cidades da região e em especial esse encontro que contou com a presença do Governador em Exercício e secretários de Estado, uma oportunidade para entrega em mãos de demandas”, explicou Vitor Macedo. “Nossa cidade está em ascensão, com todos os índices de desenvolvimento em alta, bem como destaque em tecnologia, se firmando como a segunda smart city do país, por isso essa troca com outras cidades e com o governo do Estado é bastante relevante”, concluiu.

A Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte (RMVALE-LN) foi criada pela Lei Complementar 1.166, de 9 de janeiro de 2012, como um instrumento do Estado que permite a união de governo, prefeituras, iniciativa privada e sociedade civil organizada para trabalhar na solução de problemas que os municípios têm em comum: segurança, moradia, mobilidade, saneamento, saúde, habitação, educação, entre outros.

Botão Voltar ao topo