Prefeitura de Pinda vai oferecer 20 bolsas de estudo para curso superior

O edital com mais informações será divulgado dia 13 de janeiro no site da Prefeitura www.pindamonhangaba.sp.gov.br e no jornal Tribuna do Norte. (Foto: Pixabay)

A Prefeitura de Pindamonhangaba, por meio da Secretaria de Assistência Social, vai oferecer 20 bolsas de estudo para o ensino superior, pela Lei Municipal nº 5.509, de 28/02/2013 e Decreto no 4.947, de 06/03/2013.

As bolsas serão integrais no valor do curso, na modalidade de tecnologia, licenciatura e bacharelado, em cursos presenciais e não presenciais reconhecidos pelo MEC (Ministério da Educação e Cultura), das áreas de biológicas, exatas e humanas, e as mensalidades serão pagas diretamente à instituição de ensino na qual o aluno é matriculado.

As inscrições devem ser realizadas entre os dias 8 e 10 de fevereiro de 2023, por meio do sistema eletrônico, pelo link https://pindamonhangaba.1doc.com.br, ou pelo app 1doc, podendo ser baixado pelo Google Play, para aparelhos Android, ou Apple Store para celulares iOS1.

O edital com mais informações será divulgado dia 13 de janeiro no site da Prefeitura www.pindamonhangaba.sp.gov.br e no jornal Tribuna do Norte.

Poderão se inscrever as pessoas que residam em Pindamonhangaba há pelo menos 48 meses, pertençam a um núcleo familiar com renda “per capita” de até R$ 1.064,13, tenham sido aprovados no vestibular (no caso de ingressantes) ou estejam cursando o Ensino Superior (no caso dos não ingressantes), não possuam Ensino Superior Completo, estejam com a matrícula ou rematrícula 2023 efetuada e tenham estudado o ensino médio em escola pública ou tenham sido bolsistas integral da rede particular.

Após análise dos documentos encaminhados, os candidatos selecionados serão submetidos a uma triagem social, através de visita domiciliar realizada pela equipe técnica da Secretaria Municipal de Assistência Social.
Os critérios para ordem de seleção e classificação são: ter estudado em escola pública ou ser bolsista integral da rede particular; a maior nota obtida no vestibular no caso de ingressantes; média entre as notas nas disciplinas curriculares, no último ano cursado, para os não ingressantes; trabalho com carteira assinada; a menor renda per capita. O resultado do processo será publicado no dia 28 de março de 2023.

Documentos necessários para inscrição no processo seletivo
– Cópia do documento de identificação RG e CPF do candidato
– Cópia do documento de identificação RG e CPF dos membros do grupo familiar, no caso de menores a certidão de nascimento, quando estes não possuírem RG
– Cópia dos documentos que comprovem residir no Município há pelo menos 4 anos (uma conta de 2019, uma conta de 2020, uma de 2021, uma de 2022, além de uma de 2023). Só serão aceitos conta de energia elétrica, IPTU, telefone fixo ou outro comprovante oficial.
– Comprovante da instituição de ensino superior da aprovação no vestibular e de matrícula para o curso que se pretende, no caso de estudantes ingressantes, ou comprovante de matrícula para estudantes que já estejam cursando;
– Cópia do comprovante da NOTA do vestibular no caso de ingressante e cópia do comprovante das notas do 1o e 2o semestre de 2022 dos candidatos que já estão cursando (não será aceito a classificação do vestibular).
– Declaração do estudante de que não possui ensino superior completo.
– CTPS – cópia das páginas de identificação e do último contrato, seguido da página em branco, do candidato e de todos os membros do grupo familiar;
– Cópia do comprovante de rendimento dos últimos 3 meses do candidato e dos membros do grupo familiar que possuem registro em CTPS ou declaração de renda no caso de autônomos ou profissional liberal;
– Cópia do histórico escolar cursado em escola pública, ou comprovante de percepção de bolsa integral de estudo do ensino médio, quando escola particular;
– Ficha de inscrição, devidamente preenchida;
– Cópia da publicação da portaria ou declaração da instituição do reconhecimento do curso pelo MEC.

Botão Voltar ao topo