fbpx
publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

5 atividades lúdicas para explorar na terceira idade

Encontrar práticas que mantenha o idoso ativo é importante para preservar a saúde mental, veja quais as atividades mais usadas para isso

(Foto: divulgação)

A estimulação de atividades prazerosas e divertidas é essencial na terceira idade, visto que essa fase da vida traz certa vulnerabilidade que pode desencadear transtornos psicológicos causados pelas alterações biológicas.

Por conta disso, é preciso buscar outras formas de manter a saúde mental e física e a qualidade de vida. Confira mais a seguir.

A importância de atividades lúdicas na terceira idade
Ao longo da vida todos nós praticamos exercícios físicos, temos hobbies, momentos de lazer e descontração, e por que na terceira idade isso seria diferente?

Ao contrário do que muitos pensam, praticar atividades para idosos, que estimulem a saúde física e mental é importante em qualquer idade, principalmente na fase de envelhecimento.

Afinal, é a partir dessas dinâmicas que é possível melhorar a comunicação, assim como o raciocínio, interação social, aumentar a autoestima, reduzir o nível de ansiedade e estresse, e, ainda, evitar a depressão.

Conheça as 5 atividades mais praticadas
Existem diferentes formas que ajudam na manutenção da saúde física e mental e que podem ser feitas individualmente ou em grupo. É necessário entender quais atividades o idoso gosta, quais tem vontade de participar e se adequa às condições dele.

As opções são inúmeras, assim como:
1 – Atividades físicas em grupo: como, por exemplo, a dança, o yoga e a caminhada, que além de manter o corpo ativo, pode ajudar a diminuir o sentimento de solidão;

2 – Cursos e oficinas: como o artesanato, costura, grupo de leitura, pintura, idioma, computação, entre outros. Eles contribuem para o ótimo funcionamento cerebral na terceira idade e é uma boa oportunidade para aprender coisas novas;

3 – Quebra-cabeça: ou dominó e damas, ou qualquer jogo que precise procurar por peças que combinem e se encaixam, pois auxiliam na coordenação motora e cognitiva;

4 – Jogos de carta: além de ser um momento também de diversão entre amigos e colegas, estimula as funções cerebrais, trabalhando o raciocínio e a memória;

5 – Yoga: esse exercício trabalha o corpo e a mente de forma interligada, ajudando no

controle do estresse, ansiedade, melhora o equilíbrio, dores no corpo e na coluna, provocando mudanças positivas na saúde.

Todas essas atividades têm como objetivo auxiliar para um envelhecimento saudável, preservando e promovendo a capacidade funcional, cognitiva e permitindo uma boa qualidade de vida na terceira idade.

Botão Voltar ao topo