fbpx
publicidade
𝑝𝘶𝑏𝘭𝑖𝘤𝑖𝘥𝑎𝘥𝑒

Ministro da Defesa e Comandante do Exército visitam instações do Exercício Viking 22

A comitiva percorreu os locais onde estão sendo realizados os treinamentos de civis, militares e policiais, além dos ambientes da direção do exercício e da sala de simulação do adestramento. (Foto: CMP)

Maior exercício multifuncional de operações de paz do mundo, o Exercício Viking 22 recebeu, no dia 5 de abril, a visita do Ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, do Comandante do Exército Brasileiro, General de Exército Marco Antônio Freire Gomes, e de diversas autoridades brasileiras. A comitiva percorreu os locais onde estão sendo realizados os treinamentos de civis, militares e policiais, além dos ambientes da direção do exercício e da sala de simulação do adestramento.

O General Freire Gomes enfatizou o Viking 22 como uma importante ferramenta de aprimoramento da operacionalidade das tropas brasileiras. O Comandante também fez referências à participação de integrantes da Associação Latino-Americana de Centros de Treinamento para Operações de Paz (ALCOPAZ), da Rede Brasileira de Pesquisa sobre Operação de Paz (REBRAPAZ) e da ONU Brasil nesse esforço conjunto.

Já o Ministro da Defesa ressaltou a importância do Brasil no exercício. “Participar de uma simulação construtiva como essa, envolvendo meios e tecnologias, em cinco sítios remotos conectados, com simulações, cooperação, integração entre as forças e instituições, reafirma a capacidade de Estados-Maiores na solução de problemas complexos em prol de futuros desdobramentos em missões de paz da ONU”, declarou. Ele acrescentou, ainda, a importância dos laços históricos. “As Forças Armadas têm se destacado há mais de 70 anos em operações de paz”.

Conduzido pelo Ministério da Defesa da Suécia, em parceria com o Departamento de Defesa dos Estados Unidos, o Exercício Viking 22 teve início no dia 28 de março e segue até o dia 7 de abril. No Brasil, a coordenação é do Ministério da Defesa e a direção cabe ao Exército Brasileiro, por intermédio do Comando de Operações Terrestres (COTER).

Botão Voltar ao topo