Mais de 170 mil devotos são esperados em Aparecida no Dia da Padroeira

Share:
Ao todo, seis missas serão celebradas ao longo do dia, no Altar Central da Basílica. (Foto: Thiago Leon)

Mais de 170 mil romeiros devem comemorar o Dia da Padroeira (12), no Santuário Nacional de Aparecida (SP). Para celebrar a Festa de Nossa Senhora Aparecida, uma programação de celebrações e momentos de oração foi preparada para a data.

Ao todo, seis missas serão celebradas ao longo do dia, no Altar Central da Basílica. A primeira delas acontece às 5h, encerrando a Vigília Mariana, que acontece a partir da meia noite. Em seguida, às 7h, tem início a Missa das Crianças. Na celebração, voltada para o público infantil, a Orquestra mirim do PEMSA executa, pela primeira vez, as canções da Missa. Desde o início do mês de setembro, 267 músicos, entre instrumentistas e cantores, ensaiam o repertório três vezes por semana. Até o dia da celebração serão 90 horas de ensaio.

A Missa Solene, considerada a principal do dia, tem início às 9h. A Eucaristia será presidida pelo arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes, e deve ser acompanhada por uma multidão de mais de 40 mil romeiros. Nesta celebração, a imagem da Padroeira vai utilizar um manto especialmente bordado para a data, recordando o manto usado na cerimônia de Coroação há 115 anos, em 1904.

Outras três missas ainda acontecem ao longo do dia, às 13h, 16h e 20h. A última celebração do dia 12 de outubro marca o encerramento das festividades. Durante a cerimônia será depositado no Altar Central um livro contendo o nome de centenas de fiéis que fazem parte da Campanha dos Devotos, auxiliando nas obras de construção e manutenção da Basílica.

Além das celebrações, outras atividades religiosas também estão previstas na programação. No período da tarde, às 15h, a tradicional Consagração será realizada no Altar Central do maior templo dedicado a Virgem Maria no mundo. Já às 18h, na Basílica Velha, acontece a celebração do Angelus , sucedida pela procissão solene, seguindo pelas ruas de Aparecida em direção à Nova Basílica. Colorindo o céu da “Capital da Fé”, um show pirotécnico às 21h30 encerra a Festa da Padroeira de 2019.

Estrutura – Além da programação, uma estrutura de acolhida também foi preparada para os romeiros. Os portões do Santuário Nacional, por exemplo, foram abertos na manhã desta quinta-feira (10) e só serão fechados às 21h do domingo (13).

A visitação ao Nicho onde se encontra a Imagem original da Padroeira do Brasil também acontece em horário estendido, se iniciando às 6h da sexta-feira (11), até às 20h do dia 12. A Capela das Velas, outro lugar muito visitado pelos devotos, também ficará aberta durante todo o período.

Outro serviço que atravessa a madrugada é a Tenda dos Peregrinos. O espaço, destinado aos romeiros que chegam a pé ou de bicicleta ao Santuário, inicia suas atividades às 07h do dia 11 de outubro, atendendo ininterruptamente até às 17h do Dia da Padroeira. No local, profissionais voluntários oferecem atividades de massagem, fisioterapia, verificação de sinais vitais, como aferição de pressão arterial, curativos e outras orientações gerais que forem necessárias.