Seleção Brasileira Feminina de Rugby disputa Pré-Olímpico no Peru

Por: Share:
Torneio com dez seleções da América do Sul terá a equipe campeã classificada para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020
(Foto: Divulgação/ World Rugby)

A Seleção Brasileira Feminina de Rugby embarcou na quinta-feira (30), para a disputa do Torneio Pré-Olímpico de Lima, no Peru. Dez seleções da América do Sul disputam nos dias 1º e 2 de junho a única vaga do continente para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, que será da equipe campeão do torneio.

O Brasil está no grupo A, ao lado de Peru, Paraguai, Venezuela e Guatemala. No grupo B estão Argentina, Chile, Uruguai, Costa Rica e Colômbia. As equipes se enfrentam dentro dos respectivos grupos, e as duas melhores de cada lado se classificam para as semifinais. As vencedoras disputam a vaga olímpica.

O técnico Reuben Samuel convocou para o torneio Aline Bednarski, Aline Furtado, Bianca Silva, Eshyllen Coimbra, Isadora Cerullo, Isadora Lopes, Leila Silva, Mariana Nicolau, Milena Silva, Rafaela Zanellato, Raquel Kochhann e Thalia Costa.

No sábado, o primeiro desafio do Brasil será diante da Venezuela, às 12h22. Na sequência as Yaras encaram a Guatemala, às 13h46, e o Paraguaí, às 15h34. Já no domingo, o último jogo da fase de grupos é contra o Peru, às 12h.

A transmissão dos jogos ocorrerá no canal do You Tube da Federação Peruana de Rugby: https://www.youtube.com/channel/UC8dgttEewf4MH6Wo50ni1Ig.

Sobre a Brasil Rugby e a modalidade

A Confederação Brasileira de Rugby (CBRu) tem o apoio do Comitê Olímpico do Brasil e do Ministério do Esporte, patrocínio máster do Bradesco e, como patrocinadores principais Heineken, AccorHotels e Estácio. Conta ainda com Total, Boticário, Deloitte, Alupar, Mundi Health, Robert Walters e Cultura Inglesa como patrocinadores oficiais. Também são fornecedores e apoiadores do rugby brasileiro: Gilbert, Travel Ace, Fortify e Sigvaris.

O rugby é o segundo esporte coletivo mais praticado no mundo, com quase 7 milhões de jogadores registrados e presente em mais de 170 países. No Brasil, são mais de 31,7 milhões de pessoas interessadas pelo esporte, dentre eles 13,7 milhões se consideram fãs, de acordo com pesquisa Ibope Repucom 2018. São mais de 300 agremiações esportivas e 60 mil atletas e praticantes no País, números que, somados à volta da modalidade ao programa olímpico nos Jogos do Rio 2016, fizeram a World Rugby (a federação internacional de rugby) eleger o Brasil como prioridade estratégica de investimento.