Santos vence fácil ao Vasco e segue na cola do líder Palmeiras

Share:

Invicto, o Santos segue na briga pela liderança do Brasileirão. Jogando no Pacaembu, o time de Jorge Sampaoli goleou o Vasco por 3 a 0 e segue na cola do Palmeiras. Diego Pituca, Rodrygo e Soteldo marcaram na vitória deste domingo (12).

Com o resultado o Santos segue invicto no campeonato, com três vitórias e um empate, somando 10 pontos. O clube está igualado com o Palmeiras, mas atrás pelo saldo de gols: sete, contra cinco. Os dois rivais se enfrentam na semana que vem. Já o Vasco segue sem vencer, com apenas um ponto em quatro jogos.

Com a bola rolando, o Santos mostrou mais uma vez o seu futebol vistoso no Pacaembu. Com apenas 12 minutos, Sánchez chegou na linha de fundo e rolou para trás, Rodrygo chutou de primeira, a bola passou por Sidão, mas Yago Pikachu conseguiu fazer o corte praticamente em cima da linha.

Pouco tempo depois saiu o gol santista. Sidão tentou sair jogando com os pés, mas tocou na fogueira para Ricardo Graça. O zagueiro perdeu a bola para Rodrygo, que tocou para Diego Pituca, o volante levantou a cabeça, ajeitou o corpo e mandou no ângulo, sem nenhuma chance para o goleiro.

Em sua primeira descida com perigo ao ataque o Vasco chegou a empatar o jogo, mas o árbitro anulou o tento após consulta ao VAR. Pikachu tabelou com Marrony pelo meio e a bola caiu nos pés de Maxi López, que bateu no contrapé de Vanderlei. Só que depois de alguns minutos de revisão, o árbitro de vídeo viu que o argentino estava adiantado no início do lance.

A tarde deste domingo era realmente do Santos. O Vasco tentou sair jogando pela lado direito, mas acabou perdendo a bola. Jorge soltou com Rodrygo, que tirou a marcação com o corpo, passou pelos zagueiros e bateu com força entre Sidão e a trave para ampliar o placar.

Antes do apito final, Bruno Silva tentou proteger a bola, Sidão saiu muito mal do gol e a bola ficou com Carlos Sánchez, que mandou na rede pelo lado de fora após desvio na zaga. Na sequência, com 43, o time da casa cobrou escanteio pela direita, o goleiro do Vasco saiu mal e Lucas Veríssimo testou na trave.

No segundo tempo o Santos voltou novamente com muita intensidade e quase ampliou aos 19 minutos. Rodrygo invadiu a grande área em velocidade pela esquerda e rolou na medida par Soteldo. O venezuelano dominou e bateu contra Sidão, no rebote, Sánchez jogou pra fora. Na sequência, com 24, o Soteldo recebeu de novo e mandou no travessão.

Durante a pressão santista, Carlos Sánchez recebeu um passe rasteiro na grande área e mandou a bola na trave. De tanto insistir, o Santos ampliou a vitória aos 27 minutos. Rodrygo tabelou com Jean Mota pelo meio, invadiu a grande área e ajeitou para Soteldo, que frente a frente com Sidão teve só o trabalho de jogar para o fundo das redes.

No próximo sábado, às 19 horas, o Santos tem um jogão pela liderança contra o Palmeiras no Pacaembu, pela 5ª rodada do Campeonato Brasileiro. O mando de campo é do time alviverde no Clássico da Saudade. Já o Vasco recebe o Avaí em São Januário, às 19 horas do domingo.