Grupo Sianinhas de São Luiz lança CD em seis cidades do Vale e Litoral

Por: Share:
(Foto: Rodolfo Magalhães)

Formada em 2014, Sianinhas vem construindo um trabalho inspirado na diversidade das manifestações culturais que abrilhantam o efervescente calendário festivo de São Luiz do Paraitinga.

Ao longo desses anos, a banda elaborou um repertório que mescla músicas de autoria das integrantes às de compositores(as) luizenses, incluindo também canções de domínio público; bem como veio formatando a concepção visual e cênica do espetáculo “Canárias e Pintassilgas”, nome do projeto contemplado no edital ProAC 21/2018 para gravação e circulação de álbum inédito, da Secretaria da Cultura e Economia Criativa – Governo do Estado de São Paulo.

O CD Canárias e Pintassilgas é o resultado de uma vasta pesquisa em cultura popular e representa a importância da essência artística da banda, pois é nesse contexto que Sianinhas busca alinhavar um arremate original.

Assim como o nome remete à costura – visto que sianinha adorno comumente utilizado nas vestimentas da população rural do interior do Brasil – os elementos sonoros que compõem esse trabalho também têm o intuito de unir e mesclar diversos gêneros musicais com ritmos e cantos tradicionais de congada, brão, jongo, dentre outros.

O primeiro álbum da banda foi gravado na zona rural de São Luiz do Paraitinga e produzido por André Magalhães, pesquisador de cultura tradicional e engenheiro de áudio especializado em gravações acústicas e teve como engenheiro de gravação, Filipe Magalhães.

Os arranjos ficaram por conta dos multi-instrumentistas luizenses: João Gaspar, Léo Couto, Alexandre Peixe e Thar, com contribuições das próprias integrantes e de alguns compositores e compositoras que cederam suas músicas para gravação. Já as vozes foram orquestradas pela Diretora Vocal do projeto: Elaine Marin.

A concepção do espetáculo e Direção de Palco é da atriz e produtora, Lu Monteiro. Quem fez o figurino foi o artista plástico Helder Santos e os cliques são de Rodolfo Magalhães. A arte do encarte foi elaborada pelo designer Fábio Gomes e pela artista visual Marcia Candido.

Dentre gravações inéditas está “Bandinha do Padre Leite”, de autoria do saudoso Elpídio dos Santos, que recebeu arranjo do filho, Negão dos Santos. As canções têm nuances e cadências variadas, que vão desde os tradicionais baião e rastapé até o dobrado marcial, versando com a marcação rítmica da ciranda, do coco e das congadas.

Além disso, o CD “Canárias e Pintassilgas” contou com participações mais do que especiais de mulheres determinantes na construção desse trabalho: Trio Sinhá Flor, formado Carolina Bahiense (triângulo, pandeiro, sanfona e voz), Cimara Fróis (sanfona, pandeiro e voz) e Talita del Collado (zabumba, percussão, violão, pífano e voz), que desenvolve, desde 2008 um trabalho de pesquisa e divulgação do Forró Tradicional e da cultura nordestina, evidenciando a participação feminina na música; “As Elpídias”, trio vocal do Grupo Paranga, que figurou no cenário da música brasileira nas décadas de 80 e 90 e atualmente é composto por Renata Marques, Nena Santos e Lia Marques; e Ana Maria Carvalho, natural de Cururupu (MA), residente em São José dos Campos, experimentou desde criança a vivência com os gêneros tradicionais brasileiros e recebeu, em 2018, o Prêmio de Culturas Populares do MINC, sendo reconhecida como importante mestra da cultura popular em atividade.

Entre os meses de junho e julho de 2019, a banda fará apresentações de lançamento do CD “Canárias e Pintassilgas” em seis cidades do Vale do Paraíba e Litoral Norte:
22/06, no Arraiá do Chi Pul Pul, em São Luiz do Paraitinga;
23/06, no Encontro de Congadas e Moçambiques, em Lagoinha;
29/06, na Festa de São Pedro Pescador, em Ubatuba;
05/07, no Arraial na Praça, em Socorro;
06/07, em Paraibuna;
e no dia 20/07, no Festival Acordes da Serra, em Cunha.

A banda Sianinhas é composta por: Adriana OSales, percussão e voz; Daiane Cristina, percussão; Darly Gonçalves, sopros e voz; Esther Fietz, contrabaixo, violoncelo e voz; Mara Rúbia, percussão e voz; Maria Clara Menecucci, percussão; e Patrícia Guimarães, violão, viola e voz. Página oficial: facebook.com/sianinhas.slp