Em São José dos Campos, escola no Campo dos Alemães oferece aulas de ciclismo

Share:
Unidade escolar conta com uma pista de ciclismo com 1.600 metros quadrados. (Foto: PMSJC)

Cerca de 70 alunos do 6º ao 9º ano da Emef Álvaro Gonçalves, no Campo dos Alemães, região sul da cidade, começaram a ter aulas de ciclismo neste ano.

A atividade realizada no contraturno das aulas, por meio do Programa Escola Ativa, oferece orientações como história da modalidade, mobilidade urbana, legislação e orientações sobre a manutenção das bicicletas.

A atividade ainda tem o objetivo de captar novos talentos, encaminhado os alunos que se destacam para o programa Atleta Cidadão, da Secretaria de Esporte e Qualidade de Vida.

Pioneiro em todo o Estado de São Paulo, a unidade escolar conta também com uma pista de ciclismo de 1.600 metros quadrados com diversos obstáculos para a realização das aulas.

“O Programa Escola Ativa conta com uma diversidade muito grande de modalidades e a bicicleta faz parte do dia a dia dos alunos. É importante levar até essas crianças noções como legislação e cuidados necessários para desfrutarem do transporte com segurança. Além de compreender o ciclismo como qualidade de vida e competição, com as aulas, podem surgir ainda novos atletas”, afirmou Marcos Ribeiro, professor coordenador da modalidade.

As aulas na escola acontecem de segunda a sexta feira, das 15h às 17h30. Todo material necessário para as aulas, como capacete e bicicleta, foram disponibilizados pela Prefeitura.

Escola Ativa
Desenvolvido pela Prefeitura de São José dos Campos, por meio da Secretaria de Educação e Cidadania, o Escola Ativa oferece atividades no contraturno das aulas regulares, atendendo mais de 4.000 estudantes em 30 escolas do ensino fundamental com idade entre 6 a 15 anos.

Para participar do projeto os alunos devem apresentar bom rendimento escolar, sem ocorrências disciplinares após o início da participação nos treinos. As escolas participantes podem escolher entre futsal, handebol, vôlei, basquete, judô, xadrez e ginástica rítmica.

O objetivo é que todas as escolas sejam envolvidas nos próximos dois anos, totalizando mais de 5.700 estudantes em treinamento.

Veja também