Palmeiras vence e segue invicto na Taça Libertadores da América

Por: Share:

O Palmeiras segue dono de uma campanha perfeita na Taça Libertadores da América. O atual campeão brasileiro recebeu ontem (12) o Melgar-PER, no Allianz Parque, pela segunda rodada da fase de grupos, e venceu por 3 a 0, com gols de Felipe Melo, Ricardo Goulart e Deyverson.

A vitória deixou a equipe brasileira na liderança isolada do Grupo F, com seis pontos. San Lorenzo-ARG, que ainda joga, e Melgar somam um ponto cada, enquanto o Junior Barranquilla-COL, que encara os argentinos nesta quarta-feira (13), está na lanterna ainda sem pontos.

A vitória brasileira
O Palmeiras começou pressionando e criou seguidas chances para abrir o placar. De tanto insistir, aos 24 minutos, Dudu cobrou escanteio, Ricardo Goulart desviou e Felpe Melo completou de cabeça, no segundo pau, para abrir o placar.

Logo na sequência, o Melgar respondeu e chegou a balançar as redes com o atacante Joel Sánchez, mas a jogada já estava parada por impedimento do jogador peruano.

O ritmo do Palmeiras caiu até o final do primeiro tempo e a equipe brasileira passou a administrar a vantagem. Na útima jogada de perigo antes do intervalo, Deyverson roubou a bola, invadiu a área sozinho, mas chutou mal e mandou à esquerda de Cáceda.

O time brasileiro voltou ligado e ampliou a vantagem aos oito minutos, quando Gustavo Scarpa cruzou da direita e Ricardo Goulart mostrou oportunismo para subir na área e tocar de cabeça para o fundo do gol.

Para fechar o placar, aos 25 minutos, Deyverson recebeu enfiada de bola de Ricardo Goulart, cortou dois marcadores e finalizou de perna esquerda para marcar o terceiro tento alviverde. Com a vantagem estabelecida, os palestrinos administraram o jogo e conquistaram a segunda vitória em duas rodadas.

Pela Libertadores, as equipes voltam a campo no dia 2 de abril. O Palmeiras visita o San Lorenzo, no estádio Nuevo Gasómetro, em Buenos Aires, na Argentina, enquanto o Melgar recebe o Junior Barranquilla, no estádio Monumental de la Unsa, em Arquipa, no Peru.