Ubatuba e São José recebem espetáculo de dança sobre violência contra homoafetivos

Por: Share:
Espetáculo “A Notícia”, do Caleidos Cia de Dança, traz notícias de violências contra homossexuais no Brasil e no mundo que se desdobram em danças, denúncias, afetos e ações. (Foto: Fábio Brazil)

Espetáculo “A Notícia”, do Caleidos Cia de Dança, traz notícias de violências contra homossexuais no Brasil e no mundo que se desdobram em danças, denúncias, afetos e ações
Como uma notícia atravessa um corpo? Como um corpo reverbera um noticiário? O Caleidos Cia de Dança apresenta nos dias 09 e 16 de fevereiro o espetáculo “A Notícia”, 24º trabalho da companhia paulista que, mais uma vez, se volta sobre o tema da violência na cultura do macho. No dia 09, a apresentação acontece no Teatro Municipal de Ubatuba, às 19h. No dia 16 será apresentado às 21h no Centro de Estudos Teatrais da Fundação Cassiano Ricardo, em São José dos Campos. Ambas apresentações têm entrada gratuita.

Com solo do intérprete-criador Nigel Anderson, em “A Notícia”, o noticiário de violência contra homossexuais no Brasil e no mudo se desdobra numa rede de denúncias, afetos e ações no corpo múltiplo do ator dançarino, revelando e discutindo narrativas pessoais do não-macho na sociedade atual.

“A Notícia” é uma extensão do espetáculo “Mairto” – Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna 2013, criado a partir da notícia do assassinato de um homossexual em São Paulo. E, assim como “Mairto”, “A Notícia” é resultado do Projeto Rosa Azul, que ocupou papel central nos processos de pesquisa do Caleidos Cia durante todo o ano de 2014. O foco de Rosa Azul é a questão da violência na cultura do macho e os espetáculos ligados a esse projeto tematizam os principais alvos dessa violência: homossexuais, mulheres e crianças.

O espetáculo “A Notícia” é dividido em três atos e notícias distintas. O primeiro ato refere-se a uma notícia de agressão gratuita e motivada pela homofobia, ocorrida em 2010, quando três jovens homossexuais foram agredidos com uma lâmpada fluorescente na avenida Paulista, em São Paulo.

O segundo ato trata da patologização da homossexualidade representada pela notícia da aprovação, pelo STF, da cura gay, além de matérias sobre pessoas que foram submetidas a tratamentos de reversão sexual ou de expulsão de demônios.

O terceiro ato aborda a criminalização dos gays, com notícias internacionais sobre campos de concentração para extermínio gay, lista de homossexuais procurados pela polícia em Uganda, enforcamento e apedrejamento no Irã e Arábia Saudita.

Todas as notícias são dançadas e as danças são atravessadas por memórias de vida do intérprete-criador, além de falas científicas e elementos de cênicos documentais numa narrativa caótica e não-linear que costura texto e dança.

Sobre o Caleidos Cia. de Dança:
Fundada por Isabel Marques e Fábio Brazil em 1996, o Caleidos Cia. de Dança desenvolve trabalhos cênicos nas interfaces entre a dança e a educação. Pautada pela investigação sobre a interatividade na dança contemporânea, há 21 anos pesquisa as relações entre a poesia, o jogo cênico e princípios de Laban, tendo produzido 24 espetáculos dentro desta proposta. Os projetos e espetáculos da cia. já foram contemplados pelo Programa de Fomento à Dança para a Cidade de São Paulo (SMC/SP), Programa de Ação Cultural (SEC/SP), Prêmio FUNARTE de Dança Klauss Vianna (MinC/BR) e Prêmio Estímulo de Dança (SMC/SP).

SERVIÇO:
Espetáculo “A Notícia”
Dança contra homofobia; notícias que atravessam corpos
Caleidos Cia. de Dança
Quando: Dia 09 de fevereiro (sábado), às 19h. Onde: no Teatro Municipal de Ubatuba – Praça Exaltação à Santa Cruz, 22, Centro.
Quando: Dia 16 de fevereiro (sábado), às 21h. Onde: Centro de Estudos Teatrais da Fundação Cassiano Ricardo, à Avenida Olívio Gomes, 100, Santana.
Quanto: Ingresso gratuito retirado no local com 30 minutos de antecedência.
Duração: 45 minutos
Classificação etária: 16 anos
Capacidade: 30 lugares

FICHA TÉCNICA
Concepção: Isabel Marques, Fábio Brazil, Nigel Anderson
Direção: Isabel Marques e Fábio Brazil
Texto e intérprete-criador: Nigel Anderson
Trilha sonora: Nigel Anderson
Cenário: Fábio Brazil
Produção: Mobilis Ltda ME