Thiago Braz faz índice para o Mundial de Doha com um salto de 5,80 m na França

Por: Share:
Thiago Braz (Wagner Carmo/CBAt)

O campeão olímpico Thiago Braz saltou 5,80 m neste domingo (24, no All Star Perche, em Clermont Ferrand (FRA). A marca é índice para o Mundial de Doha, no Catar, de 27 de setembro a 6 de outubro. Thiago superou em 9 centímetros o índice para o Mundial, que é de 5,71 m para o salto com vara.

A prova francesa foi vencida pelo polonês Piotr Lisek, com o norte-americano Sam Kendricks em segundo lugar, ambos com 5,93 m. O australiano Kurtis Marschall ficou em terceiro, com 5,87 m. O polonês Pawell Wojciechyowski foi o quarto, mas com a mesma marca do brasileiro Thiago, com 5,80 m.

O técnico Elson Miranda já havia anunciado que o objetivo nessas primeiras provas do ano era trabalhar a condição física de Thiago enquanto saltava e buscar o índice para o Mundial de Doha. Agora, Thiago volta ao Brasil, descansa uma semana e retoma os treinos para a temporada ao ar livre. Em abril, Thiago participa de camping da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) e do Comitê Olímpico do Brasil (COB), em Chula Vista (EUA).

O ano de 2019 é longo. O Mundial de Doha será de 27 de setembro a 6 de outubro e é a principal competição do ano pré-olímpico. Antes Thiago Braz (Pinheiros – SP) compete no Sul-Americano, em Lima (PER), de 24 a 26 de maio, e nos Jogos Pan-Americanos de Lima (PER), de 26 de julho a 6 de outubro.

Iniciou seu período de preparação para 2019 em outubro de 2018 e fez um camping de treinamento em Doha, cidade que receberá o Mundial, em dezembro.

Mas como machucou a perna atrasou o início das competições. Mas já saltou em Berlim, Alemanha (5,56 m), em Lodz, Polônia (5,50 m),em Roen, na França (5,65 m), em Athlone, Irlanda (zerou), antes de fazer o 5,80 m deste domingo em Clermont Ferrand.