Prefeitura publica concorrência para maior pacote de obras do Acelera Taubaté

Por: Share:
Os serviços incluem a requalificação das vias, com novo pavimento, calçadas e ciclovias. (Foto: Divulgação)

A Prefeitura de Taubaté publicou esta semana a concorrência 01/19, que prevê o maior pacote de obras de mobilidade urbana e de cunho socioambiental do programa Acelera Taubaté. O conjunto de obras tem valor máximo estimado em R$ 58,2 milhões e prazo de execução de dois anos.

A empresa vencedora do certame vai ficar responsável por um conjunto de obras viárias com 17,15 quilômetros de extensão. Os serviços incluem a requalificação das vias, com novo pavimento, calçadas e ciclovias. Também está prevista a implantação do primeiro parque linear do programa Acelera Taubaté em um trecho de 1,4 quilômetro no Santa Teresa.

Entre os trechos abrangidos, destaque para a requalificação da avenida Dom Pedro, marginal à via Dutra com 8,6 quilômetros de extensão. Outro ponto é a recuperação da avenida Álvaro Marcondes de Mattos, no São Gonçalo, com 3,2 quilômetros de extensão. A licitação também contempla o sistema viário do Barreiro, com a execução do binário de 2,2 quilômetros no prolongamento da rua Cosme Nery até a avenida Dom Pedro. Este sistema viário também conta com obras na avenida Miguel Garcia Velho em dois pontos, totalizando 1,95 quilômetro.
Para este ano, a previsão é do aporte de mais R$ 17,5 milhões para a execução de obras, totalizando R$ 75,7 milhões.

Em dezembro de 2017 as ordens de serviço para as primeiras empresas vencedoras das licitações começaram a ser emitidas. O financiamento internacional no valor de US$ 60 milhões para o Acelera Taubaté prevê a melhoria das condições de acesso ao transporte público e ao fluxo do tráfego urbano, por meio de infraestrutura viária, mobilidade urbana, segurança pública e conservação de áreas verdes.

Viaduto
Em março está prevista a assinatura do contrato com a empresa vencedora da licitação dos novos viadutos da Independência. A obra tem custo de R$ 14,33 milhões e previsão de conclusão no primeiro semestre de 2020. O viaduto atual, com 8 metros de largura, vai dar lugar a duas novas pistas, cada uma com 9 metros de faixas de rolamento e 3 metros de passeio. A duplicação da estrutura vai ampliar a capacidade de tráfego e facilitar o deslocamento de motoristas, ciclistas e pedestres. Isso tudo sem interromper o trânsito local durante o período de obras. O projeto também vai contemplar melhorias nos acessos dos km 111 e km 113 da Via Dutra, oferecendo mais segurança viária.

SP-62
Também acontece em março a assinatura do contrato para o início das obras de requalificação do trecho urbano da SP-62. São R$ 18,8 milhões em obras, sendo que metade desse valor será custeada pela prefeitura e a outra metade pelo governo do Estado. Os serviços contemplam a recuperação asfáltica do pavimento, sinalização viária e melhorias como calçadas, implantação de ciclovia e iluminação. O trecho da rodovia a receber as melhorias vai do distrito de Quiririm até as proximidades da rotatória do Taubaté Shopping. São 6,3 quilômetros de extensão, entre o km 123,7 e km 130, englobando as avenidas Carlos Pedroso da Silveira, Charles Schneider e Emílio Amadei Beringhs.

Veja também