Vôlei Taubaté perde para o Minas e está fora da Copa Brasil

Por: Share:
Taubaté perdeu o jogo e está fora da competição. (Foto: Nilton Wolff)

Jogando na noite de sábado (26), o vôlei Taubaté acabou derrotado pelo Minas pela semifinal da Copa Brasil Masculina de Vôlei por 3 sets a 2 (parciais de 32×34, 25×20, 25×20, 22×25 e 09×15). Com o resultado, o time taubateano fica de fora da decisão e não terá a chance de conquistar o tricampeonato do torneio.

O Fiat/Minas enfrentará o Sada Cruzeiro na decisão da Copa Brasil, em jogo que acontece neste domingo, 27/01, às 19h30, em Lages (SC).

O jogo: O técnico Daniel Castellani colocou em quadra a equipe inicial com Rapha, Lucarelli, Douglas Souza, Lucão, Athos, Vissotto e Thales como líbero.

O primeiro set começou bem equilibrado, com as duas equipes forçando o saque. Pelo lado da EMS Taubaté Funvic, o início de jogo foi com boa efetividade do ataque, principalmente com os ponteiros Lucarelli e Douglas Souza. O Fiat/Minas equilibrou as ações apostando nas jogadas de meios e também com boa atuação da defesa, e assumiu a liderança no placar. O Taubaté voltou a equilibrar as ações apostando no saque forçado, complicando a recepção do Fiat/Minas e assumiu a liderança. O final do set foi bastante equilibrado e emocionante, com as duas equipes trocando bolas e evitando set points de ambos os lados. Com mais volume de jogo nos momento decisivos, o Fiat/Minas fechou o set em 34 a 32, em 37 minutos.

O segundo set foi de maior domínio da EMS Taubaté Funvic, que com boa efetividade do ataque, e contando com muitos erros do Fiat/Minas, conseguiu abrir boa vantagem. Administrando a superioridade no marcador, o Taubaté seguiu variando bem o saque, e segurou as investidas do Minas, vencendo o set por 25 a 20, em 25 minutos, empatando a partida.

O terceiro set começou com o Fiat/Minas cometendo muitos erros de saques e a EMS Taubaté Funvic se aproveitando para abrir boa vantagem já no início do set. Sacando bem, variando entre forçado e tático, o time taubateano complicou a recepção mineira, e seguiu com maior volume de jogo. Com o levantador Uriarte em quadra, a equipe ganhou boa variação ofensiva, e seguiu jogando melhor, fechando o set em 25 a 20, em 28 minutos, passando à frente no jogo.

O quarto set foi bastante equilibrado, com as duas equipes trocando saques forçados. O Fiat/Minas foi mais efetivo nas bolas de ataque e conseguiu forçar mais erros do lado taubateano. Apesar do jogo equilibrado, o Minas errou menos e venceu o set por 25 a 22, empatando a partida e forçando o tie break.

No quinto e decisivo set O Fiat/Minas errou menos que a EMS Taubaté Funvic, e aproveitou melhor as bolas de contra-ataque e impôs muita pressão contra os taubateanos. Com maior volume de jogo e errando menos, os mineiros venceram o tie break por 15 a 09, fechando o jogo em 3 sets a 2, em 2h35 de partida.

O ponteiro Lucarelli analisou a derrota após a partida. “Nossa expectativa era de vencer, e isso torna essa derrota algo bem dolorido para nós. Tivemos uma semana boa, treinando bem e a confiança era total. Mas méritos do Fiat/Minas que fez um jogo muito bom, e saem com a vitória com merecimento. Com certeza saímos de quadra bem chateados hoje, mas agora é tentar esquecer esse jogo e focar novamente na Superliga e na Libertadores, que são nossos outros objetivos na temporada.”, comentou.

Próximo jogo: A EMS Taubaté Funvic volta à quadra na próxima quarta-feira, 30/01, quando recebe o Vôlei Renata Campinas (SP), às 19h30, no ginásio do Abaeté, em Taubaté, pela sequência da Superliga Cimed Masculina de Vôlei.

Recomendados para você