Sesc Taubaté oferece no sábado atividades sobre, cultura, esportes e educação

Por: Share:

No primeiro final de semana de Fevereiro, o Sesc Taubaté apresenta atividades de variados tipos, como a Apresentação Esportiva de Handbike, às 09h30, com Edson Gonçalves da Costa “Tubarão” e Renê Quintas. “Tubarão” é paratleta de diversas modalidades, dentre elas a Corrida de Rua – categoria “Handcycle”. Renê é profissional de Educação Física, pós graduado em Esportes e Atividades Físicas Inclusivas para Pessoas com Deficiência pela Universidade de Juiz de Fora.

No mesmo horário acontece o bate-papo Gestão Democrática na Educação, com Denis Plapler. O bate-papo é voltada para Educadores interessados na temática, mas é aberto ao público.

Denis Plapler é Sociólogo formado pela PUC-SP, Mestre em Filosofia da Educação pela FE USP, e doutorando na FE USP. Atualmente atua como Assessor Pedagógico para o Instituto Alana. Atuou como consultor da UNESCO para o Ministério da Educação para iniciativa de fomento a política pública de Inovação e Criatividade na Educação Básica, no Instituto Singularidades coordenou o curso de Extensão em Gestão Pedagógica para Educação Democrática.

Para participar o interessado deve fazer a inscrição na Central de Atendimento a partir do dia 01/02

Na parte da tarde, às 14h, acontece o Especial Danças Circulares, com Juliana Gallicchio. As danças circulares são praticadas em grupo, que segue uma coreografia buscando harmonia, consciência do todo. Elas ajudam na sensibilização e socialização, desenvolvem o senso rítmico e de coletividade. Neste especial, a focalizadora Juliana Gallicchio propõe um tema diferente a cada encontro.

Neste encontro o tema será Dançando a Tradição dos Povos
Às 16h, ocorre a oficina Ciranda no Quintal – Danças Circulares e Poesia para Crianças, com Juliana Gallicchio Valério. As danças circulares despertam alegria, senso de pertencimento, melhoram a autoestima, coordenação motora e nos tornam pessoas melhores.

Para dançar não é necessário ter experiência, todos podem aprender. A vontade de estar na roda, dar as mãos, compartilhar alegria, criar elos com novas pessoas, ora apoiando, ora sendo apoiado é o principal. Todos são bem vindos!

Veja também