Semifinais da Copinha repetem finais históricas da década de 90

Por: Share:

Quatro grandes clubes reveladores entram em campo nesta terça-feira (22) para decidir os finalistas da 50ª Copa São Paulo de Futebol Júnior. Os jogos semifinais São Paulo x Guarani e Corinthians x Vasco da Gama-RJ, já foram finais do torneio nos anos 90, dando destaque para atletas que mais tarde fariam sucesso no futebol brasileiro e mundial.

1994
Às 19h15, São Paulo e Guarani realizam a primeira partida para alcançar a final da Copinha, na Arena da Fonte Luminosa. Ambos decidiram o título em 1994 e tiveram em campo jogadores que oito anos depois fariam aprte do elenco na conquista da Copa do Mundo pelo Brasil.

Na decisão de 25 anos atrás, o São Paulo tinha como principais nomes o goleiro Rogério Ceni e o atacante Jamelli e era comandado por Muricy Ramalho. O arqueiro não havia sofrido gols ainda no mata-mata, enquanto o segundo já balançara as redes oito vezes até então. O elenco ainda tinha jogadores como Pavão, Sérgio Baresi, Catê, Mona, Guilherme Alves e Caio Ribeiro.

Do outro lado, o Guarani tinha como principal estrela o atacante Luizão. O goleiro Pitarelli e o atacante Mauricinho eram outros destaques.

Na partida, o São Paulo assumiu o protagonismo, perdendo chances, enquanto o Guarani utilizava o contra-ataque como artifício. O placar foi aberto apenas no segundo tempo. Com pênalti assinalado a favor do São Paulo, coube a Jamelli bater no canto direito e marcar seu oitavo gol no torneio. O Guarani buscou o empate com o atacante Rubens, cobrando falta, já aos 40 minutos.

Na prorrogação, o cansaço prejudicou as equipes e a decisão se estendeu até os pênaltis. O goleiro bugrino Pitarelli defendeu as cobranças de Jamelli, Nem e Douglas. Carlinhos, Alberto e André Luis converteram e garantiram o título inédito para o Guarani.

20 anos depois

Corinthians e Vasco da Gama jogam às 21h30 na Arena Barueri. Protagonistas do futebol brasileiro no fim da década de 90, os times também mostram qualidade nas categorias de base. Prova disso foi a decisão da Copa São Paulo de 1999.

Com 100% de aproveitamento até a final, o Corinthians aproveitou praticamente todos os titulares da decisão posteriormente na equipe principal, com destaque para o lateral Kléber, o zagueiro Anderson, o volante Edu Gaspar e os atacantes Gil, Ewerthon e Fernando Baiano. O Vasco também chegou invicto na final e tinha no goleiro Helton sua principal força.

Em campo, os times fizeram um jogo bastante disputado. O Vasco criou mais chances no primeiro tempo, mas não conseguiu abrir o placar. Na segunda etapa, o jogo mudou de figura e o Corinthians fez valer a sua superioridade técnica. Porém, apenas aos 31 minutos o alvinegro conseguiu abrir o placar em chute de Edu, de fora da área.

Os vencedores da semifinal desta terça-feira decidem a Copa São Paulo no dia 25 de janeiro, às 15h30, no estádio do Pacaembu.

Fichas Técnica

São Paulo (0) 1×1 (3) Guarani Corinthians 1×0 Vasco da Gama-RJ
Data: 25/01/1994
Local: Pacaembu, São Paulo

São Paulo: Rogério Ceni; Pavão, Nem, Sérgio Baresi e Marcelo Adriano; Mona, Pereira e Jamelli; Catê, Guilherme (Caio) e Toninho (Douglas)
Técnico: Muricy Ramalho

Guarani: Pitarelli; Alberto, Carlinhos, Helton (Rubens) e Marquinhos; Da SIlva, André Luis e André Goiano (Júlio César) e Andreir; Mauricinho e Luizão (Luis Carlos)
Técnico: Pupo Gimenez

Gols: Jamelli (SAO, aos 7’º2T) e Rubens (GUA, aos 40’2ºT) Data: 25/01/1999
Local: Pacaembu, São Paulo

Corinthians: Renato; Índio, Marelo, Anderson e Kleber; Rodrigo Pontes, Edu e Andrezinho; Gil, Fernando Baiano e Ewerthon
Técnico: Roberto Brida

Vasco da Gama: Helton, Materá (Alex), André, Geder e Possato; Fabrício Carvalho, Dias, Helder e Rogério (Christian); Dedé e Vanderlei (Alan)
Técnico: Jailson Guimarães

Gol: Edu (COR, aos 33’/2ºT)