São José dos Campos retoma as obras para conclusão da Arena Poliesportiva

Por: Share:
Imagem ilustrativa da Arena Poliesportiva. (Foto: Ilustração)

Depois de ser abandonada pela gestão anterior, as obras da Arena Poliesportiva de São José dos Campos serão retomadas pela atual Administração. A Prefeitura publica, neste sábado (26), o edital de concorrência pública para escolher a empresa que vai concluir a construção, localizada na via Oeste, entroncamento das ruas Campos Elíseos e Winston Churchill, no Jardim das Indústrias.

O valor de referência da licitação é de R$ 54.296.222,06, com a data de abertura dos envelopes com as propostas está marcada para 13 de março. O prazo para execução dos serviços será de 18 meses, após a emissão da ordem de serviço. A Prefeitura utilizará recursos próprios do Tesouro Municipal, fruto da economia em diversas áreas e também da devolução de verbas feitas pela Câmara Municipal.

A Secretaria de Gestão Habitacional e Obras fez uma análise da obra abandonada e será possível reaproveitar toda a estrutura existente.

Com 10.700 metros quadrados de área construída, a nova edificação poliesportiva terá capacidade para cerca de 5 mil pessoas. O pavimento térreo compreende a quadra poliesportiva com camarotes de piso. Haverá 5 vestiários: 4 destinados aos atletas – 2 para o time da casa e igual número para os visitantes – e 1 para árbitros, pessoas com deficiência e profissionais das equipes de exame antidoping.

Nesse andar ficarão à disposição do público sanitários, bebedouros, lanchonetes e bilheterias. Dois elevadores, rampas e escadas darão acesso à arquibancada, no piso superior.

Uma arena para cidade
A quadra poliesportiva servirá às diversas equipes apoiadas e mantidas pela Prefeitura, tanto das categorias de base do programa Atleta Cidadão como as do Alto Rendimento. Alguns exemplos são os times de futsal, handebol, basquete e vôlei, esportes de quadra com bom número de torcedores simpatizantes.

O espaço da Arena também poderá comportar apresentações artísticas, competições e eventos oficiais de outras modalidades, como judô, taekwondo, luta olímpica, karatê, ginástica (artística e rítmica).

No prédio principal, um grande hall estará disponível para recepções, exposições, entrevistas coletivas e visitas à galeria de troféus. Futuramente, o espaço poderá ser usado também para mostras virtuais, com uso da tecnologia digital.

As arquibancadas, com cadeiras numeradas, estarão equipadas para atender também as pessoas com mobilidade reduzida. Acima, ambientes elevados abrigarão instalações para a imprensa (rádio, televisão, jornal e site) e camarotes para autoridades e convidados.

Para acompanhamento do evento pela torcida, será instalado um placar eletrônico de LED, de alta resolução. O equipamento ficará na altura do centro da quadra e terá quatro faces, com recursos em vídeo e informações sobre tempo de jogo, resultado, performance dos atletas e estatísticas online das equipes.

Os ambientes internos de convivência, como camarotes e hall, serão climatizados, com sistema eficiente e de baixo consumo de energia.

Veja também