São José dos Campos lança edital para Gestão do Patrimônio Arbóreo

Por: Share:
Edital prevê contratação de serviços de avaliação, emissão de laudos, inventário e cadastramento de árvores situadas em vias públicas, bem como ações de educação ambiental, mobilização e comunicação – Foto: Claudio Vieira/PMSJC

Na sexta feira (28), a Prefeitura de São José dos Campos, por meio da Secretaria de Urbanismo e Sustentabilidade, lança edital de chamamento público para contração de Organização da Sociedade Civil (OSC) que realizará um pacote de serviços de administração e gestão do patrimônio arbóreo público.

O período para recebimento das propostas vai de 15 de janeiro a 4 de fevereiro de 2018, das 9h às 17 horas. O edital com todos os detalhes do chamamento público está disponível neste link.

No dia 14 de janeiro de 2019, das 14h às 16 horas, será realizada uma sessão pública para apresentação do projeto a todos os interessados. A apresentação será realizada no auditório térreo do Paço Municipal (rua José de Alencar, 123, Jardim Santa Luzia).

No edital, a contratação pelo período de 36 meses estabelece serviços de avaliação e emissão de laudos sobre a saúde das árvores, bem como o inventário e cadastramento de árvores situadas em vias públicas. Este serviço busca gerar uma base de dados sólida para as atividades de planejamento e gerenciamento do patrimônio arbóreo municipal, conferindo maior agilidade ao atendimento das solicitações dos munícipes e redução dos riscos de incidentes que envolvam quedas de árvores.

As atividades também incluem ações de educação ambiental, mobilização e comunicação com o objetivo de informar a sociedade da importância da arboricultura para a qualidade de vida urbana.

Os serviços integram as atividades do Plano Municipal de Arborização Urbana com o objetivo de estabelecer uma forma moderna e inovadora de planejamento e gestão das árvores públicas.

Segundo estimativas do plano, a cidade possui um patrimônio de 80 mil árvores, no entanto, a distribuição dessas árvores não é homogênea. Dessa forma, percebe-se a necessidade de se modernizar os mecanismos de gestão do patrimônio arbóreo, tento como parceiros os próprios munícipes.

A Prefeitura de São José dos Campos espera que com o uso de novas tecnologias e implantação do cadastramento, as atividades de educação ambiental, eventos para mobilização social e os instrumentos de comunicação, seja possível a criação de vínculos afetivos e de corresponsabilidade na implementação, proteção e conservação das árvores em ambiente público.

Para a Secretaria de Urbanismo e Sustentabilidade, essa contratação contribui para melhorar a prestação de serviços relacionados à arboricultura urbana municipal, resultando na melhoria de qualidade de vida ambiental e de saúde pública.

A arborização nos bairros é de extrema importância para o equilíbrio ambiental na cidade. Elas oferecem sombra, conforto térmico, melhoria na qualidade do ar, interceptação da água da chuva, conservação da umidade e redução da poluição sonora, além de embelezar e valorizar o espaço.

Veja também