São José dos Campos anuncia uma mudança na equipe de governo

Por: Share:

O secretário de Saúde, o médico sanitarista Oswaldo Huruta, 71 anos, deixa o cargo para desfrutar da sua aposentadoria. À frente da pasta, o secretário conseguiu implantar mais de 90% das metas do plano de gestão, como a implantação do Programa UBS Resolve em 18 unidades, concurso para novos médicos, credenciamento de especialistas, Fralda em Casa, Meu Pet Feliz, Resolve Mais para agilizar a fila de consultas por exames e especialidades e o Previna, para tratamento do câncer.

Nesse período, a Prefeitura também conseguiu pagar uma dívida de mais de R$ 13 milhões deixadas pela gestão anterior com a SPDM que administra o Hospital Municipal, com o Próvisão, Hospital Antoninho da Rocha Marmo e o ValeClin. Todos os pagamentos estão em dia e os contratos foram ampliados para melhorar o atendimento à população.

No lugar de Huruta assume o médico Danilo Stanzani Júnior, de 49 anos, cirurgião geral da rede municipal de saúde desde 2.000 e atualmente ocupava o cargo de diretor geral do Hospital de Clínicas Sul. Ele já foi secretário de Saúde na gestão do ex-prefeito Eduardo Cury entre maio de 2011 a dezembro de 2012.

Danilo é mestre em Ciências da Saúde pela Unifesp e possui MBA Executivo em Gestão em Saúde pela FGV. Foi diretor de atenção ao paciente dos hospitais Luzia Pinho Melo, em Mogi das Cruzes, e Hospital Geral de Guarulhos, entre 2014 e 2017.

O novo secretário terá a missão de fortalecer e ampliar os programas já implantados com sucesso para melhorar cada vez mais o atendimento aos usuários.

Carta do secretário Huruta ao prefeito Felicio Ramuth

“Agradeço ao prefeito Felicio o convite e a confiança depositados em mim ao assumir o comando da Secretaria da Saúde no início desta gestão.

Nunca nos faltou o apoio necessário para que desenvolvêssemos os projetos e ações durante esses dois anos em que estive à frente da pasta.

Os desafios na Saúde são diários, mas acredito que conseguimos superar os principais obstáculos e implantar boa parte dos projetos previstos no plano de governo.
Nesse período procurei dar o melhor de mim, aplicando os conhecimentos adquiridos ao longo dos anos como médico sanitarista.

Mas, devido a minha idade e o fato de já estar aposentado do Estado, chegou a hora das merecidas férias permanentes.

Estarei à disposição do prefeito e do futuro secretário se o governo precisar do pouco da minha experiência em mais de 40 anos de vida profissional dedicados à saúde pública e ao bem-estar dos munícipes joseenses”.