São José tem 7º mês positivo na geração de empregos, aponta Caged

Por: Share:
O setor de serviços foi o que mais contratou em setembro, segundo dados oficiais do Caged. (Foto: Charles de Moura/PMSJC)

São José dos Campos voltou a ter saldo positivo de empregos em setembro. De acordo com dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do Ministério do Trabalho, a cidade registrou saldo de emprego de 185 vagas. Em agosto o saldo também foi positivo, em 127 vagas.

No ano, São José apresenta saldo positivo de 803 vagas. Até setembro, este é o sétimo mês de saldo positivo da cidade em geração de empregos, segundo números oficiais do Caged.

De acordo com o Caged, em setembro, o setor de serviços foi o que mais contratou gerando um saldo de emprego de 382 vagas. Em agosto, a construção civil tinha liderado as contratações com 697.

Saldo mensal

O saldo mensal de emprego por município apurado pelo Caged é o resultado da diferença de admissões e demissões, de pessoas com carteira assinada.

Empregabilidade

Para os técnicos da Secretaria de Inovação e Desenvolvimento Econômico, os resultados refletem uma série de ações que a Prefeitura tem implementado para melhoria da empregabilidade, capacitando trabalhadores para as novas vagas que estão surgindo no mercado, por conta da recuperação da economia, mesmo que ainda discreta.

Entre essas ações estão a recente lei aprovada de incentivo à logística, que concede benefícios fiscais para novas empresas e também às já existentes, com a consequente geração de empregos.

Qualifica e Observatório

Na área de capacitação, a Prefeitura continua investindo na diversificação do Programa Qualifica São José com novas parcerias para cursos gratuitos. O Qualifica deverá fechar o ano com cerca de 12.500 inscritos em seus diversos cursos de capacitação.

O setor de captação de vagas do PAT também tem intensificado suas ações para atrair mais empresas para disponibilizarem suas vagas.

Para analisar e atender à dinâmica das necessidades do mercado de trabalho, também funciona no PAT o Observatório do Mercado do Trabalho e Formação Profissional.