São José: Empreende Startup Educacionais deste ano terá participação de crianças de 4 e 5 anos

Por: Share:
O Empreende Startup Educacionais oportuniza a troca de experiências entre alunos e a comunidade, além de enaltecer o protagonismo dos estudantes da rede municipal. (Foto: Divulgação/PMSJC)

Alunos de 43 escolas da rede municipal de São José dos Campos estão na reta final para a exposição de seus projetos no Empreende Startup Educacionais, que vai acontecer nos dias 20 a 23 de novembro. Com o tema “Inovar para Transformar”, crianças e adolescentes se empenharam durante todo este ano letivo para apresentar produtos e serviços inovadores para que possam ser viabilizados no mercado.

Neste ano, uma novidade do evento é a participação de alunos da Educação infantil por meio do projeto Pedagogia dos Sonhos. O projeto trabalha, de forma lúdica e didática, lições de empreendedorismo com as crianças de 4 e 5 anos.

A Pedagogia dos Sonhos permite o trabalho dos valores humanos e das características empreendedoras com as crianças, despertando nelas a capacidade de sonhar, contribuindo na formação do caráter de cidadãos íntegros oferecendo mais qualidade de vida.

Cerca de 10 mil pessoas são esperadas para a esta feira que tem como principal objetivo fomentar, nas escolas municipais, o estímulo ao empreendedorismo entre os jovens. Os trabalhos são resultado das atividades realizadas desde fevereiro deste ano, com a retomada das aulas de empreendedorismo, educação financeira e fiscal na disciplina Enriquecimento Curricular, coordenada pelo Cedemp (Centro de Educação Empreendedora).

A feira, que é aberta à população, terá estandes de 43 escolas municipais. Além de visitar os estandes, os estudantes com idades entre 4 e 14 anos poderão, por exemplo, interagir com jogos de empreendedorismo e equipamentos científicos

O Empreende Startup Educacionais oportuniza a troca de experiências entre alunos e a comunidade, além de enaltecer o protagonismo dos estudantes da rede municipal.

Experiência prática

Na Emef Professora Therezinha do Menino Jesus, localizada no Dom Pedro I, zona sul da cidade, os alunos desenvolveram o projeto de um Food Truck Vegano & Mexicano. A ideia surgiu após a realização de uma pesquisa que indicou a falta de diversidade nas opções de comidas veganas.

Inspirada na culinária mexicana, os alunos criaram hambúrgueres gourmet que são releituras de pratos típicos em versões 100% vegetais. “Todos estão muito animados. Já temos maquete, site, cartão de visita e folder”, disse a professora Vanessa Freitas, uma das responsáveis pela coordenação.

Os trabalhos com a elaboração da maquete do Food Truck Vegano & Mexicano ultrapassaram os muros da escola. Ao apresentar a proposta para um empresário, a aluna Franciele Gomes da Cruz, do 9º ano, recebeu, além do apoio, uma proposta de emprego. A oferta foi aceita e a jovem, que faz parte do processo de inclusão da escola, divide as horas do dia entre estudos e os trabalhos na empresa.

Já o projeto dos alunos do 9º ano da Emef Professora Sebastiana Cobra, no Jardim das Industrias, região oeste, deverá fazer sucesso, principalmente, entre as donas de casa. O grupo de 10 estudantes elaborou o “Open Close”. Com o slogan “Suas roupas sempre protegidas”, o equipamento conta com um sensor que recolhe o varal de roupas, nos primeiros sinais de chuva, quando estiver seco novamente o sensor reativa o varal, dando continuidade no processo de secagem das roupas.

Empreende Startup Educacionais 2018

Abertura oficial: 20/11 (terça-feira), às 15h

De 21 a 23/11, das 8h às 11h30 e das 13h às 17h

Local: Cefe (Centro de Formação do Educador), na Av. Olivo Gomes, 250, Santana