Festival regional de audiovisual começa nesta quinta em São José

Por: Share:
Mostra que começa hoje, fomenta e valoriza a produção cinematográfica do Vale do Paraíba. (Arte: Divulgação/PMSJC)

Com apoio da Fundação Cultural Cassiano Ricardo, tem início nesta quinta-feira (18), às 19h, no Senac São José dos Campos, a 3ª Mostra Formiga Independente, festival regional de audiovisual, que fomenta e valoriza a produção cinematográfica do Vale do Paraíba. As atividades acontecerão em vários espaços da cidade e em três casas de cultura da Fundação Cultural Cassiano Ricardo.

O encontro desta noite prevê um bate-papo com os cineastas e produtores Auira Ariak, Danilo Morales, Misael Siqueira e Paulo Alberton, que apresentarão suas obras e falarão sobre as oportunidades e desafios em fazer audiovisual e cinema no Vale do Paraíba. A atividade é livre e aberta ao público. Confira aqui a programação completa.

A mostra prossegue até o dia 27 de outubro, com a exibição de 23 curtas dos principais gêneros (suspense, ficção, animação, drama, horror e comédia), 17 documentários e 3 videoclipes. Além da mostra do trabalho produzido, o evento terá a realização de debate, exibição de quatro documentários de média metragem, solenidade de premiação e uma atividade de encerramento.

“A mostra expandiu bastante desde sua primeira edição, graças às parcerias realizadas e os apoios recebidos, como o da Fundação Cultural. A expectativa para este ano é de uma maior aproximação com um público, em razão das atividades serem realizadas em vários locais”, explicou Júlio Rhazec, idealizador e colaborador da Mostra Formiga.

Programação nas casas de cultura

Sábado (20), às 19h – Casa de Cultura Eugênia da Silva: exibição de quatro documentários de média metragem.

Quinta-feira (25), às 19h – Casa de Cultura Cine Santana: cerimônia de premiação para as categorias de melhor curta-metragem, melhor documentário, melhor videoclipe, melhor obra regional e menção honrosa. O prêmio ‘Formiga de Barro’, oferecido aos premiados, foi confeccionado pela figureira Tina Lemos.

Sexta-feira (26), às 20h – Centro Cultural Clemente Gomes: encerramento da mostra, com apresentações da Banda Dom Pescoço e do grupo de Jongo Mistura da Raça (Projeto Circulação), apresentação de dança com Robson Jacqué, além de intervenções artísticas com grupos musicais, circenses, de dançarinos e de cultura popular.

Endereços

Casa de Cultura Eugênia da Silva
R. dos Carteiros, 110 – Novo Horizonte

Casa de Cultura Cine Santana
Av. Rui Barbosa, 2005 – Santana

Centro Cultural Clemente Gomes
Av. Olivo Gomes, 100 – Parque Roberto Burle Marx – Santana