Corinthians perde para o Cruzeiro na 1ª partida da final da Copa do Brasil

Por: Share:
Agora, a decisão será em SP. (Foto: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians)

O Corinthians enfrentou o Cruzeiro no primeiro jogo da final da Copa do Brasil e volta de Belo Horizonte com uma derrota pelo placar de 1 a 0. O gol da vitória foi marcado por Thiago Neves no fim do primeiro tempo, em jogo realizado na noite a quarta-feira (10), na capital mineira.

Como não há gol qualificado na Copa do Brasil, o Corinthians precisa de uma vitória por dois ou mais gols de vantagem para ser campeão no tempo normal na partida de volta, na próxima quarta-feira, na Arena Corinthians. Se devolver a vitória por um gol de diferença, o time paulista leva a decisão para os pênaltis.

Como era de se esperar, o Cruzeiro começou a partida com mais posse de bola e buscando o ataque, enquanto o Corinthians jogava mais fechado e explorando os contragolpes.

Aos poucos, o time da casa foi criando alguns lances de ataque, principalmente com chutes de fora da área. Na primeira chance de grande perigo, Thiago Neves arriscou de fora da área e acertou a trave direita do goleiro Cássio.

Na sequência, Cássio ainda salvou o Corinthians com uma defesa impressionante. Thiago Neves cobrou falta da esquerda e colocou na cabeça de Léo, que tinha tudo para fazer o gol de abertura do placar, mas parou na defesaça no reflexo do corintiano.

O Cruzeiro seguiu mais presente no campo de ataque até que, aos 46 minutos, Egídio cruzou da esquerda e Thiago Neves finalmente conseguiu vencer Cássio, tocando de cabeça para o gol.

Na segunda etapa, a postura das duas equipes se manteve e o Corinthians não abriu mão do jogo defensivo. O Cruzeiro seguia criando os lances mais agudos e levava vantagem nas bolas levantadas para a área.

Menos incisivo do que na primeira parte do jogo, o Cruzeiro teve sua principal jogada em um cruzamento de Thiago Neves que Dedé completou de cabeça para fora. Do outro lado, Fábio foi praticamente um espectador da partida e não foi exigido pelo ataque corintiano.

Na reta final do jogo, o ritmo caiu e as duas equipes pareciam satisfeitas com o resultado. O Cruzeiro garantiu o 1 a 0 sem sustos e o Corinthians levou a decisão para São Paulo precisando de uma vitória simples para levar a para os pênaltis.

Veja também