Com plataforma digital, aluno de 11 anos lê 114 livros em menos de um mês

Por: Share:
A tecnologia disponibilizada pela Prefeitura de São José dos Campos, oferece mais de 12 mil livros gratuitamente para cerca de 42 mil alunos do ensino fundamental. (Foto: PMSJC)

Aluno do 5º ano da Emef Profª Sônia Maria Pereira da Silva, localizada no Parque Novo Horizonte (região leste), Jonatan Santos, de 11 anos, contabiliza a leitura de 114 títulos em menos de 30 dias, por meio da plataforma digital Árvore de Livros.

O estudante, que encontrou na poesia o gênero favorito, contou que o gosto pela leitura foi despertado depois que tomou conhecimento da nova tecnologia. “Eu chego da escola, tomo café e já vou para a frente do computador, lá eu fico lendo até de madrugada”, explicou.

A tecnologia disponibilizada pela Prefeitura de São José dos Campos, por meio da Secretaria de Educação e Cidadania, oferece gratuitamente mais de 12 mil livros para cerca de 42 mil alunos do ensino fundamental.

A paixão do Jonatan pelos livros digitais foi confirmada também pela mãe. “Ele não pára a leitura nem na hora do jantar, todas as noites leva o prato para a frente do computador. Eu sempre incentivei ele e aproveito quando está lendo e fico do ladinho”, contou a dona de casa, Cristiana Santos.

Tecnologia atende 42 mil alunos
A tecnologia disponibilizada pela Prefeitura de São José dos Campos, por meio da Secretaria de Educação e Cidadania, oferece gratuitamente mais de 12 mil livros para cerca de 42 mil alunos do ensino fundamental.

Por intermédio desta plataforma, os professores recomendam títulos e traçam atividades com base nas leituras feitas pelos alunos. A Árvore de Livros gera ainda um relatório com dados sobre o desempenho e a evolução da leitura dos estudantes.

Quem também aprovou a tecnologia foi o Iran da Silva, aluno do 4º ano, da Emef Antônio Palma Sobrinho, localizada no Parque Nova Esperança (região leste). Em pouco mais de três semana, ele já leu 89 títulos.

Empolgado com a nova ferramenta, o aluno explicou como consegue ler essa quantidade de livros. “Quando acordo, tomo café da manhã e já começo a ler. Depois que chego da escola, retomo a leitura, que me ajuda na sala de aula e na hora de escrever, explicou o estudante de 10 anos.

Já Alanis Guedes, de 9 anos, classificou o Diário da Julieta como seu preferido. Criada pelo escritor e cartunista Ziraldo, a coletânea de quinze histórias em quadrinhos da Revista Julieta, desvenda alguns segredos da personagem Juju e ainda conta com algumas aventuras vividas com a Turma do Menino Maluquinho.

“Com a Árvore de Livros eu passei a estudar mais. Com isso, posso escolher uma profissão boa quando crescer”, disse Alanis, aluna do 4º ano da Emef Antônio Palma Sobrinho (Parque Nova Esperança).

Balanço
Até o momento, mais de 52 mil livros já foram emprestados na rede de ensino municipal por meio da Árvore de Livros. Gente Pequena também tem direitos, Tatu Balão, A eleição da Criançada e O menino Maluquinho são os títulos mais acessados.

Veja também