Alunos do Cephas em São José participam de simulação da ONU

Por: Share:
A aluna Isabelle Rodrigues já representou a Síria em e, desta vez, será diplomata da Venezuela. ( Foto: Divulgação/PMSJC)

Alunas do curso de Administração do Cephas (Centro de Educação Profissional Hélio Augusto de Souza) participarão, nesta sexta-feira (12) e sábado (13), de uma simulação da ONU (Organização das Nações Unidas), realizada pelo Colégio Planck de São José dos Campos, na região oeste de São José dos Campos.

O simulado contará com alunos da 1ª e 2ª série do Ensino Médio. O Cephas participará como escola convidada.

A proposta dessa simulação é que os alunos possam revelar habilidades como oratória, estratégia de negociação, pensamento reflexivo e argumentação sobre temas da geopolítica atual: conflitos, diplomacia, acordos, entre outros.

O Cephas marcará presença no Conselho dos Direitos Humanos representando países como Brasil, Cuba e Venezuela.

Isabelle Aline Rodrigues Santos, 17 anos, é aluna do curso técnico de Administração e já participou duas vezes da simulação da ONU na escola pública em que cursa o Ensino Médio. Agora vai representar o Cephas, como diplomata da Venezuela.

“É uma satisfação enorme ter mais essa experiência que todo jovem deveria ter porque a gente se desenvolve muito. É um ritual muito sério e precisamos nos comportar como diplomatas reais e defender o país que representamos”, disse. “O assunto é tão sério que temos até código de vestimenta. A saia, por exemplo, tem de ter comprimento até o joelho e os países do Oriente Médio devem utilizar a burca, por exemplo”.

Na pauta das discussões dos diplomatas estarão assuntos sérios, como escravidão moderna com foco no trabalho análogo à escravidão e tráfico de pessoas, o futuro da segurança internacional diante do terrorismo e os avanços tecnológicos, bem como a interação da sociedade com a natureza e seus impactos na pós-modernidade.

De acordo com a professora Patrícia Monteiro, participar de um evento como esse significa, para os alunos, uma oportunidade de desenvolver a argumentação, a oratória, colocar-se no lugar do outro e se posicionar pensando no coletivo. “Historicamente frequentar uma escola técnica era estar fadado ao mercado laboral e fora de discussões importantes, porém a partir do momento que o Cephas passa a fazer parte de eventos como esse estamos desmistificando tal ideia, pois em simulações anteriores nossos alunos têm demonstrado um comprometimento muito grande com os temas propostos para discussão”, afirmou Monteiro.

Sobre o Cephas

O Cephas é uma escola técnica da Fundhas (Fundação Hélio Augusto de Souza), mantida pela Prefeitura de São José dos Campos, que incentiva a inclusão social por meio da educação profissional , oferecendo cursos técnicos gratuitos e de qualificação profissional. O Centro fica na Rua Tsunessaburo Makiguti, 399 – Floradas de São José, São José dos Campos.