Taubaté fecha novembro com saldo de 440 empregos

Por: Share:
Mesmo ainda faltando o mês de dezembro para a consolidação do balanço anual, o município caminha para o melhor resultado na geração de empregos nos últimos quatro anos. (Foto: Divulgação)

Balanço do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) divulgado pelo Ministério do Trabalho mostra que Taubaté chegou ao mês de novembro com um saldo acumulado positivo de 440 empregos.

Mesmo ainda faltando o mês de dezembro para a consolidação do balanço anual, o município caminha para o melhor resultado na geração de empregos nos últimos quatro anos. Em 2013, o balanço anual de Taubaté foi positivo com 35 postos de trabalho. Em 2014 os indicadores ficaram negativos em 1.860 vagas. Em 2015, no auge da crise econômica, o município atingiu saldo negativo de 6.368 empregos. Em 2016, ainda sob os efeitos da retração, foram menos 3.695 empregos.

Nos 11 meses de 2017, o setor de construção civil foi o que mais ajudou no saldo positivo da balança. A indústria de transformação foi a que mais impactos negativos apresentou no mesmo período.

A evolução de Taubaté na geração de empregos ocorreu a partir de agosto deste ano. Até então os saldos registravam indicadores negativos. Nos últimos quatro meses os balanços foram positivos.

Os números de Taubaté refletem os esforços da administração em promover a oferta de vagas no município e, com isto, reduzir os índices de desemprego. Para isto, entre as ferramentas disponíveis está o Balcão de Empregos de Taubaté.

Para se cadastrar no Balcão de Empregos é necessário apresentar RG, CPF (ou CNH), comprovante de endereço e carteira de trabalho. A orientação é que o cadastro seja sempre atualizado para gerar mais oportunidades ao candidato.

O atendimento ao público é de segunda a sexta-feira, das 8h às 15h, e as vagas são atualizadas constantemente no site da prefeitura: http://www.taubate.sp.gov.br/empregos/relacao-de-vagas-balcao-de-empregos/.
A unidade está localizada no Emprega Taubaté, na praça Dr. Barbosa de Oliveira, s/n, Centro (piso superior da Rodoviária Velha).