São Sebastião dá inicio a vacinação contra a gripe

Por: Share:

PortalR3Começa na próxima segunda-feira, dia 4, a campanha nacional de vacinação contra a influenza (gripe). O objetivo da campanha – que segue até o dia 22 de maio – é reduzir as complicações, as internações e a mortalidade decorrentes das infecções pelo vírus da influenza na população alvo para vacinação. Durante a campanha, todas as unidades de saúde do Município terão a vacina à disposição gratuitamente.

A meta da Secretaria Municipal da Saúde é garantir a imunização de, pelo menos, 80% de cada um dos grupos prioritários para vacinação que são: idosos com 60 anos ou mais, crianças de seis meses a menores de cinco anos, trabalhadores da área de saúde, povos indígenas, gestantes em qualquer idade gestacional, puérperas (período 45 dias após o parto), população privada de liberdade e funcionários penitenciários.

Em 2014, a cidade conseguiu imunizar 13.423 pessoas o que correspondeu a 90,7% de cobertura do público alvo. Crianças e idosos ainda são os que mais buscam garantir a imunização. No ano passado, por exemplo, foram 10252 doses aplicadas nestes dois segmentos.

De acordo com a chefe de divisão de Vigilância Epidemiológica, Karine Ribeiro Gonçalves Dias, durante o período da campanha outras doses também poderão ser aplicadas, principalmente nos idosos. Segundo ela, quando houver indicação também serão aplicadas as vacinas dupla adulto (contra difteria e tétano) e a pneumo 23 (contra pneumococo).

É importante que as pessoas saibam que a vacina contra a influenza, pode ser administrada simultaneamente com outras vacinas ou medicamentos”, explicou Karina.

Karine explica também que a vacina é contra indicada para pessoas com história de reação anafilática prévia em doses anteriores, bem como a qualquer componente da vacina ou alergia grave relacionada a ovo de galinha e seus derivados.

“Para os casos de pacientes que já saibam destas restrições a indicação é de que não façam o uso do medicamento”, conta.

Iniciada em 1999, a campanha é realizada anualmente entre os meses de abril e maio e desde então vem contribuindo ao longo dos anos para a prevenção da gripe nos grupos vacinados, além de apresentar impacto na redução das internações hospitalares, gastos com medicamentos para tratamento de infecções secundárias e mortes evitáveis.

Dia “D”

No sábado, 9 de maio, o município participa do “Dia D”, uma mobilização nacional com um dia de intensificação da vacinação, que mobilizará algumas unidades de saúde. Neste dia estarão abertas as seguintes unidades entre 8h e 17h: Enseada, Morro do Abrigo, Centro, Topolândia, Maresias, Boiçucanga e Juquehy II.

VEJA TAMBÉM