Solonei da Silva e Joziane Cardoso e vencem a IX Meia Maratona de São Paulo

Por: Share:
Solonei comemora vitória em São Paulo. (Foto: Sérgio Shibuya/MBraga Comunicação)
Solonei comemora vitória em São Paulo. (Foto: Sérgio Shibuya/MBraga Comunicação)

Neste domingo as ruas de São Paulo ganharam um colorido diferente com a presença de mais de dez mil atletas que disputaram a IX Meia Maratona Internacional de São Paulo, evento que abriu a série de grandes provas de corrida de rua de 2015. A disputa contou com duas provas, de 21.097m e de 5 km, atendendo a atletas de diferentes níveis. E a festa no pódio contou com muitos brasileiros, destaque para Solonei da Silva que venceu a disputa no masculino, em 1h04min36, e entre as mulheres, Joziane Cardoso faturou o bicampeonato na prova, com o tempo de 1h17min45.

publicidade

Considerada uma das melhores provas do gênero no país, ao lado da Meia Maratona Internacional do Rio de Janeiro, a Meia de São Paulo 2015 apresentou aos atletas um percurso renovado e permitiu aos mais de dez mil inscritos passarem por importantes pontos históricos e turísticos da capital paulista, como a Avenida Pacaembu, Avenida Rudge Ramos, Elevado Costa e Silva (o famoso Minhocão), o encontro entre as avenidas Ipiranga e São João, entre outros.

O paulista de Penápolis, Solonei da Silva, vencedor da prova no masculino, afirmou que o novo percurso ofereceu um desafio a mais aos atletas, mas mesmo assim ele ficou feliz em poder comemorar sua primeira vitória na disputa. “Acho que é minha terceira vez nesta prova, e nunca tinha vencido. Este ano mudaram um pouco o percurso, e acho que ficou mais desafiador e até mais difícil, mas eu fiz um trabalho intenso para chegar forte nesse tipo de prova. Fiz o tempo de 1h04min e acho que é um tempo bom para a distância. Estou bem feliz, acho que São Paulo me dá sorte”, comemorou o atleta, que em 2012 também foi campeão da Maratona Internacional de São Paulo.

Solonei ainda não definiu seu calendário de provas para 2015, mas enfatiza qual é seu objetivo. “Ainda não sei quais provas vou competir. Eu gosto de provas mais longas e o objetivo são as maratonas. Vou sentar com meu treinador para definirmos isso e espero estar na Maratona de São Paulo, em maio, aproveitando que costumo ir bem nas provas aqui”, concluiu o campeão, aos 33 anos de idade.

No feminino não teve para ninguém. A paranaense Joziane Cardoso manteve o favoritismo e faturou o bicampeonato da Meia Maratona Internacional de São Paulo, ao completar os 21.097m em 1h17min45, repetindo o feito de 2014, quando também venceu a disputa. A atleta confirmou a boa fase, já que tem se destacado nas provas em que participa. Ela é a atual campeã da Volta Internacional da Pampulha e ficou em oitavo na Corrida de São Silvestre do ano passado (2014).

“O percurso mudou um pouco com relação ao ano passado. Achei que nesta edição teve mais sobe e desce. Eu senti um pouco o ritmo. Mas me preparei bem para correr forte. Até o km 10 estava fazendo uma prova tranquila, e vi que outras atletas começaram a chegar. Aumentei o ritmo, comecei a sentir. Mesmo assim segui em frente. No km 15 consegui abrir um pouco e a partir daí foi meio no sofrimento. Mas valeu a pena. Estou muito feliz por ser bicampeã desta prova tão bacana e que já se tornou tradicional no circuito de corridas de rua do país. Agora quero começar a trabalhar para conseguir índice para o Pan-Americano (que será na China, em agosto), que é meu objetivo no ano”, disse a atleta de 30 anos.

Milhares de pessoas participaram o evento em SP. (Foto: Sérgio Shibuya/MBraga Comunicação)
Milhares de pessoas participaram o evento em SP. (Foto: Sérgio Shibuya/MBraga Comunicação)

Com a vitória de Solonei da Silva neste domingo, a briga particular entre estrangeiros e brasileiros desempatou. Agora o Brasil tem vantagem com cinco vitórias contra quatro conquistas dos estrangeiros. O Brasil já foi ao topo do pódio com Marilson Gomes (2011), Giomar da Silva (2010), Damião Ancelmo (2009), Giovani dos Santos (2013) e agora com Solonei da Silva (2015). Já no feminino, as estrangeiras venceram seis vezes. Mas o título de hoje de Joziane Cardoso diminuiu um pouco a vantagem estrangeira. Agora o Brasil totaliza três conquistas: Ednalva Laureano venceu a primeira edição, em 2007, Joziane Cardoso, venceu em 2014 e 2015.

RESULTADOS

Masculino
1) Solonei Rocha da Silva (BRA), 1h04min36seg
2) Giovani dos Santos (BRA), 1h04min39seg
3) Daniel Chaves da Silva (BRA), 1h04min41seg
4) Gilmar Silvestre Lopes (BRA) 1h05min28seg
5) Mathew Kiptoo Cheboi (QUE), 1h05min28seg

Feminino
1) Joziane Cardoso (BRA), 1h17min45seg
2) Gladys Kataron Kiplagat (QUE), 1h18min12seg
3) Sueli Pereira da Silva (BRA), 1h18min27seg
4) Maria Aparecida Ferraz (BRA), 1h19min45seg
5) Roseilane de Sousa Ramos Benites (BRA), 1h20min28seg