Semana de Teatro comemora artes cênicas em São José dos Campos

Por: Share:
Serão 11 peças em 14 apresentações. (Foto: divulgação)
Serão 11 peças em 14 apresentações. (Foto: divulgação)

A Fundação Cultural Cassiano Ricardo vai dedicar uma semana às artes cênicas, em homenagem ao Dia Internacional do Teatro, comemorado no dia 27 de março. Serão 11 peças em 14 apresentações. A abertura será com uma mesa redonda nesta terça-feira (24), no Centro de Estudos Teatrais – CET (Avenida Olivo Gomes 100 – Parque da Cidade).
Todos os espetáculos são gratuitos, atendendo a diferentes públicos em vários locais da cidade. As peças serão encenadas no CET, praças, Casas de Cultura, entre outros espaços. A Semana de Teatro segue até o próximo dia 29.

O Dia Mundial do Teatro foi criado em 1961 pelo Instituto Internacional do Teatro, entidade ligada à UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura) durante o IX Congresso Mundial, em Viena. A data escolhida é a da inauguração do Teatro das Nações, em Paris.

Programação

Abertura da Semana do Teatro – Mesa Redonda
Dia 24
19h
CET – Centro de Estudos Teatrais
O debate “Teatro de Grupo e redes colaborativas: desafios e perspectivas” abordará as lutas, conquistas e formas criativas e sustentáveis para manutenção de sedes e circulação de trabalhos. O encontro é voltado para grupos de São José dos Campos e região.

Projeto Casa Verde (Classificação Etária: 10 anos)
Dia 24
14h
Casa do Idoso Centro

Dia 26
21h
Cine Santana
Um grupo de psiquiatras pretende revolucionar o tratamento da loucura aplicando o Comunidrama, terapia que usa a encenação teatral para provocar a catarse e curar pacientes. Os psiquiatras recriam a história de Simão Bacamarte, criador da Casa Verde, famoso hospício da cidade de Itaguaí. A histórias dos psiquiatras se confundem com as dos personagens até o ponto de não se saber quem é um, quem é outro.

Assombrações (Classificação Etária: Livre)
Dia 25
13h30
Casa de Cultura Rancho do Tropeiro

Dia 27
14h
Casa de Cultua Julio Neme
Encenado por Roberval Rodolfo, o espetáculo de contação de histórias apresenta assombros e encantos, recriando um cenário de sons e cores no imaginário da plateia.

A Briga da Onça e do Tatu (Classificação Etária: Livre)
Dia 25
14h
Casa de Cultura Tim Lopes

Dia 26
14h
Casa de Cultura Eugênia da Silva
No tempo em que os animais falavam a nossa língua, a onça começou uma briga com o tatu, com recados malcriados de um lado e de outro. A peça é uma adaptação do conto de mesmo nome, colhido por Ruth Guimarães.

Sacra Folia (CirculAção) (Classificação Etária: Livre)
Dia 27
15h
Praça Afonso Pena
Perseguida por Herodes e seus soldados, a Sagrada Família se perde em fuga para o Egito e acaba chegando ao Brasil. Os fugitivos recebem a ajuda de João Teité e Matias Cão, dois tipos populares que vivem em pé de guerra pela recompensa em livrar a família santa dos perseguidores.

Contos Estranhos (Classificação Etária: Livre)
Dia 27
19h
Teatro Dailor Varela (Casa de Cultura Flávio Craveiro)
O espetáculo é uma criação coletiva a partir de três contos de Viriato Correa sobre o jovem Quirino, o Major Bernardo Ramos Boa Vista e o conto das famosas linguiças Roderiz.

Cabaret Del Rinoceronte (Classificação Etária: 16 anos)
Dia 27
22h
Cine Santana
O espetáculo é marcado pelo burlesco e o nonsense. Tudo acontece num cabaret onde personagens histriônicos surgem em quadros cômicos e inusitados amarrados por um Mestre de Cerimônias. O espetáculo conta também com a presença da Banda Larga do Rinoceronte, que, com suas intervenções musicais, dá ritmo ao espetáculo.

Um Mar de Muda Euforia (Classificação Etária: 16 anos)
Dia 28
21h
CET- Centro de Estudos Teatrais
Um drama baseado na história da neuroanatomista Jill Bolte Taylor. A personagem narra e vivencia momentos crucias de uma viagem que passa pelos tormentos de um corpo paralisado ao nirvana do mergulho em sua mente silenciosa.

A Nau dos Desterrados (Classificação Etária: Livre)
Dia 28
13h | Praça Chico Triste (Centro Cultural Clemente Gomes)
Em uma história regada a muito rum, três piratas estão desterrados, a deriva em alto mar. Após muito tempo sem rota definida e lançados à própria sorte, eis que chegam ao novo mundo, a terra do Cabral. A partir daí começam a recordar histórias e desventuras vividas a muito naquele lugar distante.

Hoje Tem Espetáculo (Classificação Etária: Livre)
Dia 29
15h – Anfiteatro do Parque da Cidade
O espetáculo é apresentado por um músico (Nicochina) e quatro palhaços (Dez Pras Sete, Custipíl, Beterraba e Tiuria) que se revezam nas funções de artistas de circo. A proposta é divertir o público levando através das caricatas relações entre os palhaços, os conflitos mais distantes da vida cotidiana. O resultado disso é uma peça que une elementos da cultura circense como malabarismo, acrobacias e monociclo a grandes palhaçadas.

O Príncipe Feliz (Classificação Etária: Livre)
Dia 29
11h
Projeto Arte na Feira em Santana (Rua São Jorge)
Dois brincantes populares interpretam mendigos para narrar o conto de Oscar Wilde, tratando de temas como a riqueza, a pobreza e a procura da felicidade. O espetáculo interage com a plateia desde o começo, criando um universo de fantasia e leveza que pretende atingir o público de todas as idades.

O Arquiteto e o Imperador da Assíria (CirculAção) (Classificação Etária: 16 anos)
20h
CET- Centro de Estudos Teatrais
O espetáculo conta a história do Imperador, o civilizado, cujo avião cai numa ilha, onde encontra o Arquiteto, primitivo e animal. Com este contato, o Imperador se depara com seus medos e anseios mais profundos e, ao perceber a ligação e poder que o Arquiteto tem sobre a natureza, vê o quanto seus valores são pequenos.