Novelis é reconhecida por redução no consumo de água em Pinda

Por: Share:

PortalR3A Novelis, líder mundial em laminados e em reciclagem de alumínio, foi reconhecida, esta semana, pelo 10º Prêmio FIESP de Conservação e Reuso de Água, por iniciativas desenvolvidas na planta de Pindamonhangaba/SP.

O projeto da Empresa envolveu a automação do sistema de água potável industrial, a otimização das torres de resfriamento com aumento do ciclo de concentração e eficiência, a implantação do Programa de Controle de Perda de Água, balanço hídrico da planta, o projeto piloto de reuso de água de condensado de dois compressores e campanhas a favor da sustentabilidade entre os funcionários. Os resultados das iniciativas geraram uma redução de 6,2% no consumo específico de água, representando 55.176 m³ no ano, o que equivale à 70% do consumo de um mês.

“Neste cenário em que a discussão e as atitudes acerca da utilização consciente da água alcançaram extrema relevância, esse reconhecimento torna-se ainda mais importante, pois valoriza todo o esforço que a Novelis fez e continua realizando para o reuso e a redução do consumo de água”, explica Rogerio Almeida, vice-presidente de Operações da Novelis.

A atuação do projeto foi local, mas a abrangência dos resultados atinge a esfera mundial, uma vez que a Novelis definiu metas de redução de água para todas as unidades, a fim de garantir que a meta global de redução em 25% seja alcançada até 2020.

Consciente dos impactos inerentes a qualquer atividade de negócio e de sua responsabilidade com o meio ambiente, a Empresa estabeleceu, em 2011, uma visão ambiciosa que busca reforçar a competitividade de seus negócios a longo prazo, com base em inovação e práticas mais sustentáveis. Assim, assumiu 10 metas de sustentabilidade – incluindo o tema Água – que fazem parte de sua estratégia de se tornar o maior produtor de alumínio de baixo carbono.

O Prêmio FIESP de Conservação e Reuso de Água tem o objetivo de conhecer, difundir e homenagear, anualmente, empresas que utilizam boas práticas na promoção do uso eficiente de água, com medidas efetivas na redução do consumo e do desperdício de água, gerando benefícios ambientais, econômicos e sociais e aumentando a competitivide.

VEJA TAMBÉM