Prefeitura cria projeto de QR Codes Turísticos em Ubatuba




Objetivo é utilizar tecnologia para apresentar história de monumentos e locais turísticos à população. (Foto: Divulgação/PMP)

Objetivo é utilizar tecnologia para apresentar história de monumentos e locais turísticos à população. (Foto: Divulgação/PMP)

A Secretaria Municipal de Tecnologia da Informação da Prefeitura de Ubatuba desenvolveu recentemente um projeto que alia tecnologia e turismo para apresentar à população a rica história da cidade de uma forma diferente.

publicidade

Nascido de uma idéia discutida entre o estudante ubatubense da UFABC Victor Fragoso e o Secretário de Tecnologia da Informação Pedro Seno, o projeto consiste na criação de azulejos trabalhados de forma artesanal com o desenho de QR Codes colocados em locais de interesse público para acesso a pequenos conteúdos histórico-turísticos.

O QR Code é um tipo de código de barras em 2D que pode ser escaneado com qualquer aparelho celular que possua uma câmera fotográfica, através de uma série de aplicativos gratuitos para este fim. Cada um dos códigos criados possui um link que redireciona o usuário a uma página no site da prefeitura com informações sobre um determinado ponto turístico.

Segundo Pedro Seno, a ideia é apresentar à população a história da cidade de uma forma mais interessante através do uso da tecnologia. “Atualmente, cada vez mais gente possui um smartphone com acesso à internet. Queremos que este recurso seja uma forma simples e prática de apresentar a história de pessoas e marcos importantes em nosso munícipio”.

Neste primeiro momento, foram instalados 18 azulejos, que apresentam textos sobre pontos como a Casa do Ateneu Ubatubense (atual prédio da Secretaria de Turismo), o Sobradão do Porto e a Barra dos Pescadores, além de alguns que apresentam textos sobre figuras históricas do município como Cunhambebe, Hans Staden e Jordão Homem da Costa, instalados em locais das ruas que levam seus nomes.

Importante destacar que para acesso aos conteúdos, hospedados no site da prefeitura, é necessário acesso à internet no smartphone. Porém, todos os azulejos apresentam um link abaixo do QR Code para visualização dos conteúdos a qualquer momento.