Fabricante de helicópteros dos EUA acerta parceria com o ITA em São José

Por: Share:
Empresa é uma das principais fabricantes de helicópteros dos EUA.  (Foto: Sikorsky Aircraft Corporation)
Empresa é uma das principais fabricantes de helicópteros dos EUA. (Foto: Sikorsky Aircraft Corporation)

A empresa norte-americana Sikorsky Aircraft Corporation, uma das mais importantes fabricantes de helicópteros do mundo, formalizou na quarta-feira (11), em São José dos Campos, um acordo de colaboração com o ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica). O objetivo é desenvolver o conhecimento e promover o desenvolvimento de tecnologias para aeronaves de asas rotativas no Brasil.

publicidade

A solenidade reuniu mais de 50 pessoas, entre autoridades civis e militares, no Memorial Aeroespacial Brasileiro (MAB), no DCTA (Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial). A Prefeitura de São José dos Campos foi representada pelo secretário de Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia, Sebastião Cavali.

Assinado pelos representantes da Sikorsky e pelo reitor em exercício do ITA, professor Fernando Sakane, o Acordo de Colaboração para Inovação em Aeronaves de Asas Rotativas inclui a criação de um Laboratório de Inovação nas dependências do ITA, além de bolsas de estudo para projetos de tese de graduação em tecnologia de helicópteros.

“Essa parceria veio para ficar, pois há muita experiência dos dois lados”, sintetizou Antônio Pugas, vice-presidente da Sikorsky na América Latina, lembrando que a empresa foi fundada há 90 anos e desenvolveu o Black Hawk e o Sea Hawk, dois dos helicópteros militares mais conceituados do mundo.

“A América Latina é muito importante em nossa estratégia de desenvolvimento, e queremos que o Brasil seja a nossa âncora na região. Existe aqui um potencial de mercado considerável”, acrescentou.

“Não queremos apenas trazer helicópteros para o Brasil, mas também contribuir com o desenvolvimento da indústria aeronáutica do país”, disse Pugas, ressaltando que o país tem mais de 1.650 helicópteros, dos quais 160 produzidos pela Sikorsky.

“Vamos criar a próxima geração de engenheiros de helicópteros no Brasil. Os estudantes que participarão deste programa terão a oportunidade de quebrar barreiras, construindo helicópteros que voem mais alto, mais longe, e de forma mais segura, econômica e silenciosa que todos os que existem atualmente”, completou Chris van Buiten, vice-presidente de Tecnologia e Inovação da Sikorsky.

“Essa iniciativa conjunta do ITA e da Sikorsky é estratégica para o desenvolvimento econômico do país, uma vez que ela eleva a competitividade empresarial através do fomento à tecnologia e inovação”, disse o secretário Cavali. “Esperamos que este acordo seja o primeiro passo de uma longa e frutífera colaboração. Inclusive, se a Sikorsky estiver interessada em abrir uma unidade no país, temos uma área de 130 mil metros quadrados no Parque Tecnológico”, frisou.