Ubatuba segue com alta taxa de ocupação da rede hoteleira após o Réveillon

Depois de uma semana sem precedente na história da cidade muitos hotéis e pousadas seguem com 100% de ocupação dos leitos




Praia Grande, região central, na tarde desta terça-feira, dia 6 de janeiro (Foto: Divulgação/PMU)

Praia Grande, região central, na tarde desta terça-feira, dia 6 de janeiro (Foto: Divulgação/PMU)

Depois de uma semana intensa com aproximadamente 1 milhão de pessoas na cidade, Ubatuba segue movimentada neste começo de janeiro e a taxa de ocupação da rede hoteleira permanece próxima de 100% em muitos estabelecimentos.

Organizado pela equipe da secretaria municipal de Turismo, o levantamento ouviu proprietários de imobiliárias, hotéis e pousadas e a grande maioria dos entrevistados confirmou uma melhora significativa em relação à temporada passada.

“Alguns dizem 10% a mais de aluguéis em relação ao ano passado. Outros chegaram a falar em 50% a mais”, conta João Corbisier Nunes, secretário de Turismo da cidade.

“Outro detalhe que chamou atenção foi a quantidade de turistas estrangeiros que procuraram o Centro de Informações Turísticas. A maioria deles era argentino, mas tivemos europeus e até mesmo sul-coreanos por lá”, continua Nunes.

Proprietário da Pousada Marazul, localizada no Itaguá, região central da cidade, Felipe Bastos Souza Siqueira afirma que o início da temporada superou as expectativas e a taxa de ocupação foi maior em comparação ao mesmo período de outros anos.

“Do Réveillon até o dia 20 de janeiro, todos os quartos da pousada já estão reservados. A partir desta data, a taxa cai para cerca de 60%. Mas há bastante procura e acreditamos que até a próxima semana a ocupação deve, novamente, ficar próxima dos 100%”, comemora Felipe.

Felipe disse também que tem recebido um público diferente e opina. “Acredito que o aumento do dólar e a divulgação das paisagens da cidade são fatores que estão contribuindo para atrair esse novo perfil de público, que vem, por exemplo, do sul do Rio”, completa.